Elvas sempre em primeiro

Todos os comentários que cheguem sem IP não serão publicados.
Segunda-feira, 6 de Outubro de 2008

Os políticos e os árbitros

Se há passatempos semi-profissionais que admiro são os dos árbitros de futebol. Quando se começa a ver a profissão principal de cada um, por vezes pergunto-me a mim mesmo, o porquê de continuarem a querê-lo ser. Presumo que deva ser por uma paixão muito forte ao desporto em geral e ao futebol em particular. Um homem que assim que entra em campo é insultado, maltratado e apelidado de tudo e mais alguma coisa tem que ter coragem e merece o nosso respeito. Haverá muitos que são corruptos, como em qualquer sector da sociedade. E os outros? Têm que aguentar tudo e mais alguma coisa ao serem o alvo principal da ira dos adeptos.

A coragem que têm os árbitros, não a têm aqueles que eventualmente dariam bons políticos. Mas lá no fundo, não lhes deixo de dar razão e compreendê-los.

Quem é a pessoa neste país que tendo capacidades para tal, sendo uma pessoa honesta e decente se quer envolver na política? Nenhum ou muito poucos. Tal como os árbitros, mal fosse nomeado para um determinado cargo era logo apelidado de ser tachista, oportunista, aldrabão e coisas tais, por mais competente e honesto que fosse. Quem é que quer sujeitar-se a isto? Restam-nos os “profissionais” da política que nasceram e cresceram dentro dos partidos. Não sabem fazer mais nada e estão prontos para se sujeitarem a tudo. São os carreiristas que começaram numa qualquer “jota” e treparam no partido lambendo as botas ao que lhe está imediatamente acima esperando pela primeira oportunidade para que, com uma facada nas costas lhe roubar o lugar. Arrastam-se pelos corredores de organismos de estado tentando dar nas vistas, dão dinheiro para aparecerem nos jornais e televisões até que conseguem obter o tão desejado lugar na 5ª fila da Assembleia da Republica. Depois é só ir descendo de fila até à primeira e daí até um lugarzito no governo vai um passo. É este o panorama que temos.

Perguntar-me-ão: e que fazer para alterar este sistema? Francamente não faço a mínima ideia porque a doença está espalhada por todas as democracias. Todos nós sabemos que a democracia com todos os seus defeitos ainda é o melhor sistema político, mas que anda muito doente também todos nos apercebemos disso. Que fazer?

 

Jacinto César    

 


Tasca das amoreiras às 00:00
Link do post | Comentar | favorito
19 comentários:
De Anónimo a 6 de Outubro de 2008 às 00:42
Este César é uma vergonha. Ou pensa que todos são iguais a ele, ou é um frustrado que queria um lugar político mas como nunca teve competência para tal tem que se limitar a dar aulas de mecânica. Tem uma vida triste e desinteressante, mas o que lhe havemos de fazer.


De Anónimo a 6 de Outubro de 2008 às 00:45
Eu sou o único político que dou a cara sem medo. Tu és um mau professor, foste um mau marido, és um mau pai, és um mau amigo. Eu comecei na Jota e tenho muito orgulho porque vou até ao fim e tu começas e não acabas nada porque és incompetente.


De Anónimo a 6 de Outubro de 2008 às 07:59
A política tem de tudo tal como os professores. Os políticos maus deviam ser banidos. Os professores maus também. Mas isso já era um problema não era César?


De Anónimo a 6 de Outubro de 2008 às 08:38
A semana está a começar bem, ah isso está!


De Anónimo a 6 de Outubro de 2008 às 10:29
Este César não anda por cá.
Ainda lhe passam cartucho
Tenho mais que fazer
Elvas também


De Anónimo a 6 de Outubro de 2008 às 10:43
caros comentadores
Nada de ofensas pessoais e vida privada
Poar favor não entrem por aí


De Anónimo a 6 de Outubro de 2008 às 10:44
Da primeira à última linha, o texto do Jacinto é de grande infelicidade.
Perigoso, como tudo que confunde árvores com florestas.
Infundado, porque não sustenta.
Inconclusivo, porque depois de disparar em várias direcções não aponta uma única saída.
Para postar assim, mais vale não perder tempo...


De Anónimo a 6 de Outubro de 2008 às 11:21
Suponham que uma pessoa quer mesmo muito ser árbitro.
Vai tentando, vai apitando, só arranja problemas.
Mas quer muito, insiste, insiste bastante.
Tem um problema: cada vez que faz um exame para ser árbitro, reprova sempre. Mas reprova com notas muito baixas. Não tem hipótese.
Será que merece continuar a tentar, após tantas negas?...

Suponham que uma pessoa quer muito ser presidente da câmara.
Vai tentando, vai concorrendo, mas só arranja problemas.
Mas quer muito, insiste, insiste bastante.
Tem um problema: cada vez que vai a eleições para presidente da câmara, tem sempre votações muito baixas. Não tem hipótese.
Será que merece continuar a tentar, após tantas negas?...


De Anónimo a 6 de Outubro de 2008 às 11:26
Sr.César

Permita-me,já que me parece ser defensor do melhor para Elvas,que lhe relate algo que me impressionou negativamente na cidade.
Vivo fora e tenho por hábito ir visitar o Santuário da
Piedade.Este ano fi-lo pelo São Mateus.
Qual não foi o meu espanto quando vi a descaracterização total do espaço envolvente do Santuário.Que pena!
Não teria sido possível expandir a construção para
outros locais?
Peço que os meus conterrâneos visitem o local e, alertados para este problema, digam se não se cometeram aí erros irreparáveis para o ambiente paisagístico e para a dignidade daquele espaço de culto e lazer.
Posso estar enganado,posso.Mas que fiquei chocado,fiquei.
Uma vez mais peço cmpreensão para este meu reparo
e alvitro a hipótese de um estudo aprofundado para a zona de modo a que nunca mais se façam,no meu modesto entendimento.aberrações deste quilate na terra que muito amo.
A cidade merece muito e de qualidade.Elvas,porta aberta do país,deverá apostar em tudo que a dignifique e banir tudo que destrua essa beleza que nos apaixona.

Obrigado pela oportunidade que tive em esrever no seu blog.

Um elvense que muito ama a sua Terra.


De Anónimo a 6 de Outubro de 2008 às 12:50
Não se pode comentar os posts com seriedade que aparece logo um Portinholeiro a querer festa. Depois admiram-se e o César vem dizer que "são todos iguais, que não pretam". Não se percebe que este é mais um encomendado para tentar desviar as atenções do essencial e passar à portinholice para descridibilizar este blog? Parece-me óbvio.


De Anónimo a 6 de Outubro de 2008 às 14:07
Coitado do anónimo anterior,
Quer assunto mais sério do que o anterior?
Qual ? A ordinarice da escrita que por aqui abunda?
Não será sério querer o melhor para Elvas?
Santa ignorância.Que mesquinhês!
Querer passar a mensagem de que todos estão do lado de um determinado senhor é de mentecapto.Sim de puro e duro mentecapto.
Sou elvense e, portanto,tenho o direito de educadamente expressar uma opinião.Só isso e nada mais.
Para o digníssimo anónimo anterior aplico as palavras de um Ser superior:Pai perdoai-lhes porque não sabem o que fazem nem o que dizem.


De Anónimo a 6 de Outubro de 2008 às 16:46
Tanta filosofia e apelos a frases de seres superiores e escreve "mesquinez" com "ês"?...
Há mais de 40 anos, a minha bela professora da 4ª classe dizia: "Quando não tiverem a certeza de como se escreve uma palavra, escolham um sinónimo".


De Anónimo a 6 de Outubro de 2008 às 16:53
Mesquinhez


De Anónimo a 6 de Outubro de 2008 às 17:30
Anda por aí um político só a fazer faltas violentas, umas atrás das outras.
Não há um árbitro que o mande mais cedo para o balneário?...


De Anónimo a 6 de Outubro de 2008 às 17:42
Coitado!

Anda tão bem vestido mas por dentro nada.

A Forma e o Conteúdo...

De forma é vistoso...como lhe ensinou a velhinha e antiga professora.
De conteúdo, nada .
Aprendeu umas coisitas. Não sei se aprendeu.Naturalmente limitou-se a repetir por adestramento.
A inteligência é outra coisa. É saber pensar,é ter opinião própria sobre as coisas.Inteigência não é adestramento.
Por adestramento qualquer ser vivo aprende a repetir.
Escreva com qualidade no conteúdo e não se preocupe
com a roupa.


De Anónimo a 6 de Outubro de 2008 às 19:49
mesquinhez



s. f.,
qualidade de mesquinho;

estreiteza de espírito;

acanhamento;

desdita;

insignificância;

sovinice;

avareza.


De Anónimo a 6 de Outubro de 2008 às 20:38
Os professores também podem ser como os árbitros. Também são chamados de tudo e alguns já levam porrada dos alunos. Por isso, há certas pessoas que já se sujeitam a ir para essa profissão, salvo as excepções dos que tiraram cursos para isso, outros que tiraram cursos de engenheirozinhos, de arquitectos, de desenhadores, de direito mas que nunca exerceram por falta de competência, foram para professores porque não sabem fazer mais nada.
Depois fazem umas disciplinas de pedagogia e vai daí passam a efectivos. São os carreiristas do professorado que nunca tiveram competência para a profissão mas vivem dela porque caso não fossem professores morriam á fome.
É assim certa gente e por isso não admira que a Escola Secundária esteva no fundo do ranquing das escolas do país. Com professores destes não se espera outra coisa.


De Anónimo a 7 de Outubro de 2008 às 01:18
Há bons e maus em todos os papéis profissionais e sociais;
pais,filhos,alunos,arquitectos,desenhadores, agricultores,esposas, maridos,políticos, futebolistas, professores,deuses, bloguistas, etc..
Não prezem pela perfeição, tente apenas chegar lá

Ganhavamos todos. "Penso eu de que"


De Anónimo a 7 de Outubro de 2008 às 13:51
Devia ser linhas deste blog mas em vez disso critica tudo e ataca todas as pessoas. Com esta forma de estar, o contributo acaba por ser igual a zero.


Comentar post

Últimos copos

Forte da Graça - 18

Forte da Graça - 17

Forte da Graça - 16

Forte da Graça - 15

Forte da Graça - 14

Forte da Graça - 13

Forte da Graça - 12

Forte da Graça - 11

Forte da Graça - 10

Forte da Graça - 9

Adega

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Agosto 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


A procurar na adega

 

Blogs de Elvas

Tags

todas as tags

últ. comentários

logo que poluiçao iriam causar duas ou tres embarc...
Muito interessante. Nessa documentação há document...
Nest baluarte existio uma oficina de artesanato on...
JacintoSó agora tive oportunidade de lhe vir dizer...
VERGONHA? MAS ESSAS DUAS ALMAS PERDIDAS RONDÃO E E...
Uma cartita. Uma cartinha. Uma carta.Assim anda en...
Os piores lambe-botas são os partidos de Esquerda ...
O mundo está para os corruptos e caloteiros. Uma a...
O mundo é dos caloteiros . Uma autentica vergonha.
"Não se pode aceitar que um professor dê 20 erros ...

mais comentados

101 comentários
89 comentários
86 comentários

subscrever feeds

SAPO Blogs