Elvas sempre em primeiro

Todos os comentários que cheguem sem IP não serão publicados.
Quarta-feira, 15 de Agosto de 2007

A propósito de … S. MATEUS


O assunto que me leva hoje a escrever sei que é polémico e que divide a população de Elvas, mas mesmo assim vou arriscar. Trata-se do S. Mateus e da data da celebração da festa que reúne anualmente todos os elvenses.

Em minha opinião esta deveria ser antecipada de um mês, ou seja, para 20 de Agosto. Mas vamos por partes:

1-      Diz-nos o calendário que o dia 21 de Setembro se comemora o dia de S. Mateus. Esta data comemora-se há muitos séculos e isto desde que a Santa Sé instituiu para cada dia do ano o nome de um Santo. A tradição é a tradição e quanto a isso nada a fazer.

2-      O dia de S. Mateus celebra-se há muitos anos na nossa cidade por um motivo fundamental: representava o final de um ano agrícola e o inicio do seguinte. Era por estes dias que quem vivia no campo vinha à cidade fazer as compras do ano, como as botas novas, o casaco e as calças e todos os artigos que não conseguia produzir. Aproveitava-se também para negociar o gado. Estes dias eram como que as nossas férias actuais só que mais curtas, e isto se o patrão estivesse de boa maré! Deslocavam-se para Elvas nos tradicionais carros de canudo que lhes servia de residência. Os bailaricos eram também o prato forte. Estas eram portanto as tradições, mas que devido aos avanços do tempo se foram alterando.

3-      Em relação ao ano agrícola estamos conversados pois as alterações foram radicais e como tal a tradição perdeu-se. Quanto ao facto de os agricultores virem fazer as suas compras anuais já foi. As coisas mudaram e hoje aí estão os imponentes hipermercados a venderem tudo os que as pessoas necessitam (e não necessitam) desde manhã à noite incluindo sábados, domingos e feriados. Lá se foi a tradição!

4-      Tal como atrás disse as pessoas deslocavam-se nos belos carros de canudo. Depois passaram a vir de autocarro (lembro-me de nas proximidades do parque da Piedade haver uma sementeira de placas que anunciavam o destino dos autocarros da Setubalense e na parte lateral da igreja lá estava o velho autocarro branco dos Painhos pronto para nos trazer e levar para o centro da cidade). Chegavam às dezenas de todos os lados. Havia que trouxesse a trouxa atrás e passasse aqueles dias festivos na mata da Piedade. Pois bem, a tradição também se perdeu. Dos que vinham para ficar, restaram os Camponeses (Campomaiorenses) que vêm armados de tendas e caravanas e de toda a mobília atrás

Estas eram as tradições e como elas se perderam. Falemos agora de coisas mais práticas:

1-      Até ao 25A as aulas da miudagem começavam sempre no 1º dia útil a seguir ao 5 de Outubro. Hoje as mesmas aulas começam a 17 de Setembro e com tendência a começarem ainda mais cedo. Ora se a festa era para a rapaziada e para os pais, como é que se conseguem conciliar as duas coisa?

2-      Cada vez mais as pessoas fazem as férias em Agosto precisamente por causa das férias dos filhos. Então não seria juntar o útil ao agradável, ao termos as festa a coincidir com as férias?

3-      As festas, tanto as religiosas como as pagãs, sempre estiveram condicionadas pelo número de visitantes e do vil metal que aqui deixavam. Quando há menos gente, é a bandeja da igreja que se recente, são os comerciante que se recente, o aluguer dos terrenos a descer, etc. Ora o inverso é verdadeiro ou não?

4-      Os caprichos meteorológicos: como é sabido nessa altura do ano o S. Pedro é pródigo em pregar umas partidas e com as respectivas consequências. Ou não é assim?

Ora bem, se as tradições já não são o que foram, se tudo se modernizou nas nossas vidas, então porque não antecipar num mês as Festas da Cidade, as do Senhor Jesus da Piedade e do S. Mateus?

Exmos. Senhores da Mesa da Confraria do Senhor Jesus da Piedade, porque não pensarem no assunto, ou será que são tradicionalistas que os impedem de ver as coisas como são? Lembre-se que até há pouco tempo o sacerdote rezava a missa virado para o Senhor e agora o faz de costas para Ele. Como vêm até aqui as coisa mudaram.

Exmo. Senhor Presidente da Câmara Municipal de Elvas, presumo que para o senhor tanto se lhe dá que seja numa data como noutra deste que o “povo” esteja contente. Pois bem, se se gasta tanto dinheiro para tudo e para nada, promova um REFERENDO Municipal que a lei lhe permite e assim ficaríamos a saber a vontade de todos nós.

Cá por mim, que se mude!

PS. Não mencionei por lapso um grupo importante: os nossos emigrantes, e que não são poucos!

Jacinto César      

Tasca das amoreiras às 19:55
Link do post | Comentar | favorito
10 comentários:
De Anónimo a 16 de Agosto de 2007 às 07:32
seguidista jacinto:
pus-te mal dos nervos por comentar no socialista-comunista-pseudo-conselheiro-elvense-de-gema Zé de Mello que a inauguração do MACE parecia uma daquelas cerimónias da longa noite fascista, até lhe sugeriste que me censurasse, pus-te mal dos nervos ao recomendar no teu blog uma bebedeira como coadjuvante para facilitar o engravidamento, tu conheces-me de bom-dia-boa-tarde e não nos tratamos por tu, mas devo felicitar-te por copiar as minhas ideias, tu que pertences à escória socialista-comunista que governa o nosso país que queria ver integrado em espanha por troca com os bascos, ficavomos todos a ganhar, portugueses, espanhois i bascoc


De Anónimo a 16 de Agosto de 2007 às 07:43
no entanto devo-te dizer ó seguidista jacinto que me pareces, embora tendo tu uma mente conservadora-tradicionalista-esquerdista-comunista, foste inteligente para seguir as minhas ideias expressadas em comentáros ao post S. Mateuzinho de Câmara dos Comuns de 26/07/2007 em que sugeria uma alteração da data do S. Mateus antecipando-o para terminar a 20 de Setembro, porque o S. Mateus ou se adapta ou morre e destaquei como ÚNICA acção/obra positiva do rondão, embora insuficiente, a antecipação para a sexta feira anterior a 20 de SET, reconhecendo que só um déspota ditador como o rondao era capaz de o ter feito pois o reaccionarismo das mentes nunca o teria permitido.


De Anónimo a 16 de Agosto de 2007 às 07:52
devo dizer-te ainda que te escandalizei ao contar o episódio da tua amiga MIZÈ e da tua colega LENA, a mim que alegremente por estruturalmente dizia ser direitista, na MIZÈ votei, já agora devias tomar em conta a minha sugestão no mesmo blog às 8:37, o anónimo das reticências, para propor à estupidamente-esquerdista-conservadora população de Elvas que retome a ideia do grande narrador elvense já desaparecido António Tello Barradas, que enquanto vereador pelo CDS propôs a alteração da data do 14 de Janeiro como feriado municipal para o S. Mateus.
Como não sou seguidista nas tenho uma mente crítica, mudar o 14 de Janeiro sim, mas nunca para o S. Mateus


De Anónimo a 16 de Agosto de 2007 às 07:57
dizia a data de 14 de janeiro, dia cinzento frio e descapitalizado por se seguir ao natal, devia ser substituido por um feriado municipal no mês de Junho para comemorarmos um santo à semelhança de Badajoz, èvora, lisboa ou porto, e termos as nossas festas municipais num feriado, quente, em dias compridos, até já temos a nossa tradição dos mastros


De Anónimo a 16 de Agosto de 2007 às 08:01
longe de mim pensar em abandonar o 14 JAN, mas podia resumir-se a uma cerimónia militar, vista até por mais gente por se tratar de um dia de trabalho e comércio aberto. tu ó jacinto césar que já foste ao museu MEIAC de badajoz e à tate gallery, sabes que as cidades não têm vida nem aos domingos nem aos feriados.


De Anónimo a 16 de Agosto de 2007 às 08:07
po isso eu sou obrigado a reconhecer ó seguidista jacinto que tu embora sejas um mentiroso que escreve que já foste ao MEIAC de badajoz para tentar encontrar alguma utilidade para o inutil MACE, sou obrigado e reconhecer que desta vez estás a ser sensato ao querer antecipar o S Mateus para que não morra, poderia começar com as festas da boa-fé no 1.º fim de semana e acabar em glória e cheio de alunos teus em 20 de SET, alunos teus que não faltariam às aulas


De Anónimo a 16 de Agosto de 2007 às 08:12
portanto vai lá um pouco mais além, ó seguidista jacinto e propõe que no ano em que o 14 de JAN calhe ao fim de semana, se altere para um santo popular o feriado municipal e vamos todos aos mastros, já agora que o santo escolhido, S antonio. S pedro ou S joao não calhe ele proprio, também nesse ano no fim de semana Apetece-me mandar-te um beijo do anónimo que tem fraquinho por ti, não sei se deva


De Anónimo a 16 de Agosto de 2007 às 08:21
PS: ainda queria acrescentar o meu desacordo ó seguidista jacinto pela data de começo, não somos Viseu, devia começar não a 20 de Agosto, como já escrevi, mas no 1.º fim de semaNA com a boa-fé a que se seguiria na 2.ª feira seguinte o S. Mateus, que acabaria com cerimónia religiosa a 20 SETEMBRO, eu já tinha lançado a ideia no bl,og do Abreu, ó seguidista jascnto, só me apetece mandar-te mais um beijo, pela 1.ª vez estamos de acordo vê lá os comentarios ao blog do abreu s. Mateuzinho de 26/7/2007


De Anónimo a 16 de Agosto de 2007 às 09:36
eu ó seguidista jacinto que ainda te descompus dos nervos ao comparar-te ao ´góis tu insurgiste-te "...quem é o senhor para falar assim, o góis o jacinto, conheco-o de algum lado...", hás-de me dizer ó jacinto, ou "hades",como tu e o teu camarada coelhone dizem, como no Zé de Mello se transcreve o que os outros escrevem, os meus pobres conhecimentos de informática a tanto não chega, há ainda o factor meteorológico ou climático, que faz com que o fim de setembro seja mais chuvoso, menos proprio para o s. Mateus mais um beijo do anónimo do fraquinho, tanto escrevo e tão árido que afasto os outros leitores, toma lá que é sabotagem terrorita ao teu blog...


De Vara de Marmeleiro a 16 de Agosto de 2007 às 11:15
"toma lá que é sabotagem terrorita ao teu blog..." LOLLLL, um Ben Laden dos blogs... mais um obsessivo(a) eterno(a) candidato (ou) presidente de uma Junta ou associação do berlinde! HEHEHEHE...


Comentar post

Últimos copos

Forte da Graça - 18

Forte da Graça - 17

Forte da Graça - 16

Forte da Graça - 15

Forte da Graça - 14

Forte da Graça - 13

Forte da Graça - 12

Forte da Graça - 11

Forte da Graça - 10

Forte da Graça - 9

Adega

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Agosto 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


A procurar na adega

 

Blogs de Elvas

Tags

todas as tags

últ. comentários

Nest baluarte existio uma oficina de artesanato on...
JacintoSó agora tive oportunidade de lhe vir dizer...
VERGONHA? MAS ESSAS DUAS ALMAS PERDIDAS RONDÃO E E...
Uma cartita. Uma cartinha. Uma carta.Assim anda en...
Os piores lambe-botas são os partidos de Esquerda ...
O mundo está para os corruptos e caloteiros. Uma a...
O mundo é dos caloteiros . Uma autentica vergonha.
"Não se pode aceitar que um professor dê 20 erros ...
penso k será pior dizer k ñ tem pais!ou k ñ sabe k...

mais comentados

101 comentários
89 comentários
86 comentários

subscrever feeds

SAPO Blogs