Elvas sempre em primeiro

Todos os comentários que cheguem sem IP não serão publicados.
Domingo, 9 de Março de 2008

QUOTAS?

Mas por acaso eu sou alguma “vaca” para só produzir determinados litros de leite para obedecer às regras de Bruxelas?

Mas desde quando há quotas para o mérito? Ou há mérito ou não o há, agora quotas? Só uma mente perversa é que pode pensar numa coisa destas. Odeio quotas há muitos anos e vou explicar o porquê desta minha aversão.

 

Há um bom par de anos, ainda a chamada “cortina de ferro” existia, visitei a antiga Checoslováquia. Num desses dias cheguei por volta da hora de jantar a uma cidade chamada Brno (onde hoje se faz o Grande Prémio de Motociclismo). Eu e a minha mulher encontramos um hotel no centro da cidade e entramos. Tudo normal. Na recepção reparei num casal com dois filhos adolescentes que estavam sentados a um canto, e reparei neles pelo facto de serem portadores de malas de viagem muito parecidas com as que existiam em Portugal quando eu era pequenino. De cartão e atadas com cordel para não se desconjuntarem. De resto tinham uma aparência igual ás muitas pessoas que ali circulavam. Como não nos apeteceu jantar no hotel, resolvemos procurar um restaurante nas redondezas. Tudo normal! Depois da refeição resolvemos regressar ao hotel para telefonarmos à família para dar notícias, e isto umas boas duas horas depois de termos entrado no hotel a primeira vez. O casal que atrás referi continuava sentado no mesmo local onde antes o tinha visto. Fiquei curioso. Como a chamada para Portugal ainda era feita por meio de operadoras, esta estava retardada. Resolvi perguntar à recepcionista porque é que aquelas pessoas estavam ali há tanto tempo à espera. Resposta desta: no hotel há quotas para nacionais e que já tinham sido atingida. Assim teriam que esperar até às dez da noite para se saber se chegariam mais estrangeiros. Se estes não chegassem, então entrariam, senão …

Foi das situações mais tristes que presenciei na minha vida. Estrangeiros no seu próprio país. No dia seguinte rumei a caminho da Áustria. Não aguentaria outra cena igual.

 

Estão a ver agora a minha aversão às quotas? E se eu fosse MULHER? Bem, se fosse mulher há muito que já me tinha “escabreado” por casa das ditas quotas. Quotas para DEPUTADAS? Mas que é isto? Então não é o mérito que conta? Mas não, QUOTAS!

Quotas para funcionárias bancárias? Perdoem-me a expressão, mas que merda é esta de quotas para mulheres? Então não conta o mérito? Mas que raio de sociedade é esta em que compara as pessoas à produção de cereais, de azeite, de leite ou outra coisa qualquer? QUOTAS?

 

Eu como homem e como professor não posso admitir que haja quotas para o mérito. Se for mau profissional ponham-me na rua, mas se for bom, não quero sujeitar-me a subir na carreira por reforma ou por morte de um colega meu.

Gostaria que a sociedade entendesse o caso dos professores, mas que também abrisse os olhos para os casos que referi e não só. Agora QUOTAS, NÃO!

 

Jacinto César


Tasca das amoreiras às 22:56
Link do post | favorito
De Anónimo a 12 de Março de 2008 às 22:25
Então no outro dia o proof Venâncio, vei para aí e tal com as Cotas e tal. Hoje o Jacinto comas QUOTAS!!!
Afinal senhores? ELuminem a rapaziada desta vez ! Em que ficamos? Não andaram na mesma escola? Já sei a resposta, como os senhores também deverão! Ficava era de bom tom existir algum critério. É por estas e por outras.
E depois os "paizinhos" é que são tabém os culpados destas e outras. Estou a ver um aluno como ficava. Numa aula é de uma maneira, na outra é de outra.

Bahhhhh


De António Venâncio a 12 de Março de 2008 às 23:57
Desculpará mas vai ter que me esclarecer!
Qual foi mesmo o texto em que eu me referi a cotas?...
Já agora diga-me o que significa "vei", "comas" e "Eluminem" no seu comentário?...
Vá iluminar-se um pouco por favor, e aproveite ilumine também a sua cara para lhe vermos as feições.


Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.


Últimos copos

Forte da Graça - 18

Forte da Graça - 17

Forte da Graça - 16

Forte da Graça - 15

Forte da Graça - 14

Forte da Graça - 13

Forte da Graça - 12

Forte da Graça - 11

Forte da Graça - 10

Forte da Graça - 9

Adega

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Agosto 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


A procurar na adega

 

Blogs de Elvas

Tags

todas as tags

últ. comentários

logo que poluiçao iriam causar duas ou tres embarc...
Muito interessante. Nessa documentação há document...
Nest baluarte existio uma oficina de artesanato on...
JacintoSó agora tive oportunidade de lhe vir dizer...
VERGONHA? MAS ESSAS DUAS ALMAS PERDIDAS RONDÃO E E...
Uma cartita. Uma cartinha. Uma carta.Assim anda en...
Os piores lambe-botas são os partidos de Esquerda ...
O mundo está para os corruptos e caloteiros. Uma a...
O mundo é dos caloteiros . Uma autentica vergonha.
"Não se pode aceitar que um professor dê 20 erros ...

mais comentados

101 comentários
89 comentários
86 comentários

subscrever feeds

SAPO Blogs