Elvas sempre em primeiro

Todos os comentários que cheguem sem IP não serão publicados.
Sexta-feira, 12 de Outubro de 2012

O ser contra!

 

Foto: José Mario Fonseca

 

 

 

A grande maioria dos seres humanos tem uma particularidade muito interessante: o espírito de contradição. Se qualquer um de nós quiser fazer a experiência basta fazer uma pergunta a alguém se é a favor ou contra qualquer coisa. A grande maioria das pessoas que não concordam, se lhe perguntarmos porque é contra e qual seria a alternativa, não sabem explicar. Isto faz parte da psicologia. “Sou contra e pronto”.

Já o que não tem piada nisto é o que se passa na política, que teoricamente deveriam ser pessoas preparadas e não o são. Repare-se o que se passa nos governos e nas oposições (já falo no plural para evitar poder-se pensar que é recado para uns ou para outros). Um governo toma uma iniciativa qualquer que nos afecta a todos ou a uma grande parte. Todos nós e principalmente os afectados declaram-se contra porque lhe tocam nos interesses. Até aí tudo bem. O problema põe-se em relação à oposição. Declaram-se contra mas não apresentam medidas alternativas.

Isto faz-me lembrar o “treinador de futebol” de que todos temos um pouco. A nossa equipa está a perder. Claro que a culpa só pode ser de duas personagens: ou o árbitro é ladrão ou o treinador é burro. “Até eu fazia melhor”.

Isto vem a propósito da recente proposta que apresentei como cidadão aos meus conterrâneos para fazermos o “boicote às cerimónias do 14 de Janeiro”, com a nossa ausência às cerimónias militares como meio de pressão para que se encontre uma solução para o Forte da Graça. Apresentei a proposta sem qualquer finalidade política já que nunca fui político nem tenho pretensões a tal. Tão pouco foi para atacar fosse quem fosse. Apresentei a proposta única e exclusivamente para fazer valer os meus direitos de cidadania. O que me chocou foram as reacções. Pode-se concordar ou não. É o direito de cada um. Tudo bem. Agora quando se pergunta a quem não concorda qual a alternativa para tentar resolver o assunto, a resposta é invariavelmente “não sei”. Às vezes tenho muitas dúvidas se as pessoas têm uma opinião formada e fundamentada sobre as coisas que as afectam. Desde que não lhes afecte o “bolso” ou o seu bem-estar, estão-se nas tintas para tudo o resto. Se houver um buraco no passeio ninguém dá um passo para evitar que alguém lá parta uma perna. Mas se alguém a partir mesmo, nessa altura cai o Carmo e a Trindade. A nossa sociedade está cada vez mais individualista sem se preocupar com o bem comum.

Penso que antes de se promover qualquer acção terá que se proceder a acções de informação e esclarecimento. Mas mesmo assim ponho as minhas dúvidas.

Faço então aqui um apelo a todos os elvenses, por nascimento ou adopção, que queiram ser cidadãos activos, que dêem as suas opiniões e apresentem soluções para que entre todos possamos um dia dizer “Salvámos o Forte da Graça”. Os vindouros ficarão agradecidos, tal como hoje estamos agradecidos aos nossos antepassados que nos legaram tamanho património.

 

Bom fim-de-semana para todos

 

Jacinto César    


Tasca das amoreiras às 14:38
Link do post | Comentar | favorito
5 comentários:
De José Luís Caldeira Fernandes a 12 de Outubro de 2012 às 21:45

Senhor César:

Quanto ao recorrente tema do Forte da Graça, não sei se o “post” de V.ª Ex.ª “O ser contra!” se refere de alguma forma a mim, como munícipe-cidadão ou “oposição”. De oposição no sentido convencional da palavra fica a saber que expresso exclusivamente a minha opinião pessoal, oposição faz o Tiago Abreu do CDS ou o Manuel Figueiredo do Bloco de Esquerda, que outros não consigo vislumbrar.


Outro comentador havia que com certeza por ter alguém de família muito próximo a trabalhar dependendo do Partido Socialista foi ameaçado e suplicou a V.ª Ex.ª que apagasse os comentários publicados no blogue de V.ª Ex.ª em 7 e 8 de Outubro.


Mais uma vez portanto venho esclarecer que não aponto soluções para o Forte da Graça.


Solução já houve no passado recente, o Forte está cedido à Câmara de Elvas, que em 2003, depois de lá gastar dinheiros municipais de todos os elvenses (Projecto AINA-PORA) abandonou o Forte da Graça. E já agora fica a saber que concordo em absoluto com o boicote e exigir que no discurso oficial a Câmara reclame o Forte, pode ser que de uma vez por todas se esclareça que a Câmara administra o Forte da Graça desde 2003!



De Anónimo a 12 de Outubro de 2012 às 23:50
Será que desde 2003 o Forte passou a ser administrado pela Câmara de Elvas ?
Digam-me a verdade para poder decidir se adiro ou não ao boicote.
O dono do blog deve ter documentação sobre o assunto para falar como fala.Se assim for, deve divulgá-la para esclarecimrnto de todos os elvenses.


De José Luís Caldeira Fernandes a 12 de Outubro de 2012 às 23:59
A prova está no meu FACEBOOK de José Luís Caldeira Fernandes. Se o Senhor César autorizar colo na página do FACEBOOK "Boicote ao 14 de Janeiro",


Muito obrigado por acreditar em mim. Onde quer que no FACEBOOK cole mais a prova de que o Forte pertence à Câmara?


De Tasca das amoreiras a 13 de Outubro de 2012 às 01:20

Você é teimoso. Ainda não entendeu nada do que se passou e que já expliquei "mil vezes". O cartaz que apresenta era da primeira fase de um projecto comum a vários ministérios e à CME</span></span>. A 1ª fase foi concluída e que dizia respeito às coberturas, o que foi feito. Só que quem vinha a seguir, que era o Ministério da Cultura falhou e os seguintes também. Procure o protocolo, leia-o bem e ficará esclarecido de vez. Não lhe volto a responder enquanto não apresentar o dito protocolo.</span></span>

</span></span>


De Anónimo a 13 de Outubro de 2012 às 22:25

Povo da minha terra! Meu Povo !
Acorrei ao blog do Jacinto porque só ele detém a verdade, porque só ele sabe de tudo e sobre tudo, porque só ele é iluminado como se um rei sol fosse.
Povo! Meu Povo!
Os outros são nabos, os outros- coitados !- não dizem uma atrás de outra, os outros são incultos e pobres de espírito.
Povo! Meu Povo! Votem em mim porque sem mim não existe futuro, esta cidade morrerá e ruirá por falta de ideias para a sua conservação.
Povo! Meu Povo! Se não houver outro maior do que o Jacinto então o Jacinto é o maior... 


Comentar post

Últimos copos

Forte da Graça - 18

Forte da Graça - 17

Forte da Graça - 16

Forte da Graça - 15

Forte da Graça - 14

Forte da Graça - 13

Forte da Graça - 12

Forte da Graça - 11

Forte da Graça - 10

Forte da Graça - 9

Adega

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Agosto 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


A procurar na adega

 

Blogs de Elvas

Tags

todas as tags

últ. comentários

logo que poluiçao iriam causar duas ou tres embarc...
Muito interessante. Nessa documentação há document...
Nest baluarte existio uma oficina de artesanato on...
JacintoSó agora tive oportunidade de lhe vir dizer...
VERGONHA? MAS ESSAS DUAS ALMAS PERDIDAS RONDÃO E E...
Uma cartita. Uma cartinha. Uma carta.Assim anda en...
Os piores lambe-botas são os partidos de Esquerda ...
O mundo está para os corruptos e caloteiros. Uma a...
O mundo é dos caloteiros . Uma autentica vergonha.
"Não se pode aceitar que um professor dê 20 erros ...

mais comentados

101 comentários
89 comentários
86 comentários

subscrever feeds

SAPO Blogs