Elvas sempre em primeiro

Todos os comentários que cheguem sem IP não serão publicados.
Terça-feira, 9 de Outubro de 2012

E porque não?

 

 

 

Não sei se é pancada da idade ou então estou cada vez mais contestatário, coisas mais próprias de adolescentes. Mas ontem depois de ter escrito sobre a “expropriação” do Forte da Graça passou-me pela cabeça uma ideia que era capaz de incomodar.

O 14 de Janeiro ainda vem longe, mas talvez se a população concordasse, era capaz de ser uma boa altura de começar a pensar no assunto.

O que é que proponho? Três acções nesse dia. A saber:

 

1- Boicote total às cerimónias militares por parte de toda a população. Deixaríamos a Praça da República e a Rua da Cadeia às moscas;

 

2- À mesma hora ocupação simbólica do Forte da Graça pela população;

 

3- Recolha de assinaturas para uma denúncia do estado do Forte à UNESCO.

 

Se somarmos a isto uma mobilização dos órgãos de comunicação social, a acção era capaz de chamar à atenção e incomodar o Ministério da Defesa e o Governo.

Sei que haverá por aí muita boa gente a pensar que “este tipo está maluco”, mas o que é certo é que de mãos nos bolsos é que nada se resolve.

As petições são o que se tem visto. O falar muito também nada tem resolvido nada. E porque não passar à acção?

Penso que está na hora de saber quem está com Elvas e quem não está.

Sei que irá aparecer por aí alguém a dizer que há um protocolo com a CCRA. É verdade apesar de nunca o ter visto. Mas segundo julgo saber e como já aqui o disse esse protocolo está mais que ultrapassado já que era um conjunto de entidades que se comprometiam restaurar o Forte e estas falharam e tudo voltou à estaca zero.

 

Nota – Que fique claro que nada me move contra os militares. As Forças Armadas sempre foram dignas do meu respeito e continuo a pensar que neste momento é a única instituição séria neste país. Estou é contra os políticos que tutelam os militares.

 

Jacinto César


Tasca das amoreiras às 13:34
Link do post | Comentar | favorito
12 comentários:
De Conde de Lippe a 9 de Outubro de 2012 às 15:53
faltam pouco mais de 3 meses para o 14 de Janeiro, mas já é possível dizer algo sobre as 3 medidas propostas:

1.- Praça da República e Rua da cadeia às moscas é um objetivo votado ao insucesso, vai falhar rotundamente!

2.- Ocupação simbólica do Forte da Graça pela população é outra medida quixotesca, a menos que "população" sejam o professor César e o engenheiro Zuca...

3.- Denunciar o estado do Forte da Graça à UNESCO já fia mais fino; nesta matéria, ou temos juízo ou podemos queimar-nos com o fogo, pois a UNESCO não osta de brincadeiras.


De Tasca das amoreiras a 9 de Outubro de 2012 às 16:43

Tem que haver sempre ovelhas ranhosas a estar do contra, ou seja, neste caso contra Elvas. Qual será o dia em que consigo ver todos os elvenses a remar para o mesmo lado? Assim não vamos longe. Elvas com amigos destes vai longe!!!


 


Jacinto César



De O ranho ou a ronha? a 9 de Outubro de 2012 às 17:13
Por sinal, a expressão não é "ovelhas ranhosas", mas sim "ovelhas ronhosas". Não é com ranho; é com ronha.

À parte disso, não consigo perceber se as ovelhas ronhosas são as que vão para a Praça e para a Rua da Cadeia no 14 de Janeiro, ou se são as que pretendem ir fazer mnifestações para o Forte da Graça?

A menos que "ovelhas sadias" sejam as que pensam como eu e "ovelhas ronhosas" sejam as que pensam diferente de mim.  


De Zarojo a 9 de Outubro de 2012 às 22:01
Não respondo a provocações!!!!


De Anónimo a 9 de Outubro de 2012 às 21:22
O Sr. Presidente põe um porco a assar na Praça e lá vai a malta do croquette para a festa.


De anty zarojo a 9 de Outubro de 2012 às 22:59

era mais facil meter o zarojo no carro amarelo do Nody a subir ao forte, dava mais nas vistas.

professor cesar, o senhor anda a beber?


De Miguel Guedes a 10 de Outubro de 2012 às 14:13
Caro Professor,

Vivo em Elvas à 8 anos, e se deseja mobilizar os Elvenses tem de começar pelos seus e ignorar os restantes, dado a "iletaracia" e "inércia" reinantes.. inicie a mobilização.. todos é impossível, dado em Elvas o "vizinho" é sempre "mais esperto" que o do "lado ", logo avance e vejamos quem entende o civismo como forma de protesto ?!


De Ileterata a 10 de Outubro de 2012 às 16:00
Como é que este gajo o Miguel Guedes chama nomes aos outros quando escreve:


Vivo em Elvas à 8 anos


Este gajo não percebe sequer a diferença entre "Há" e "à"


Miguel Guedes, assim não vais lá a chamar iletrados aos outros...


De Tasca das amoreiras a 10 de Outubro de 2012 às 17:54
Pois, mas o Miguel Guedes dá a cara e a cara amiga prefere esconder-se no anonimato. Muito corajosa. 
Jacinto César


De Miguel Guedes a 11 de Outubro de 2012 às 21:23
Desde os anos 80, que os países mais desenvolvidos renderam-se a uma nova evidência: muitos adultos, apesar de vários anos de escolarização, não dominam a leitura, a escrita e o cálculo, demonstrando sérias dificuldades em utilizar na vida quotidiana material em diferentes suportes. Estes indivíduos, vêm deste modo diminuídas as respectivas capacidades de participação na vida social, em planos como os do exercício da cidadania, das possibilidades profissionais e do acesso à cultura. Podemos dizer que a iliteracia limita o acesso ao mercado de trabalho, as possibilidades de emprego e a capacidade de adaptação a uma sociedade e a uma economia em transformação.


.. dada a velocidade a que escrevo habitualmente não revejo os comments, logo os erros de simpatia poderão surgir


De Anónimo a 12 de Outubro de 2012 às 15:26

eh eh sai da frente oh guedes
ainda levas com um acento na cabeça ou será assento é que escrevo mais rapido que o speedy Gonzalez e nunca olho para trás...


De Miguel Guedes a 13 de Outubro de 2012 às 17:59
.. o anónimo está de certa forma a oferecer algo é ??

é que se desejar oferecer algo trata-se do assunto...


Comentar post

Últimos copos

Forte da Graça - 18

Forte da Graça - 17

Forte da Graça - 16

Forte da Graça - 15

Forte da Graça - 14

Forte da Graça - 13

Forte da Graça - 12

Forte da Graça - 11

Forte da Graça - 10

Forte da Graça - 9

Adega

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Agosto 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


A procurar na adega

 

Blogs de Elvas

Tags

todas as tags

últ. comentários

logo que poluiçao iriam causar duas ou tres embarc...
Muito interessante. Nessa documentação há document...
Nest baluarte existio uma oficina de artesanato on...
JacintoSó agora tive oportunidade de lhe vir dizer...
VERGONHA? MAS ESSAS DUAS ALMAS PERDIDAS RONDÃO E E...
Uma cartita. Uma cartinha. Uma carta.Assim anda en...
Os piores lambe-botas são os partidos de Esquerda ...
O mundo está para os corruptos e caloteiros. Uma a...
O mundo é dos caloteiros . Uma autentica vergonha.
"Não se pode aceitar que um professor dê 20 erros ...

mais comentados

101 comentários
89 comentários
86 comentários

subscrever feeds

SAPO Blogs