Elvas sempre em primeiro

Todos os comentários que cheguem sem IP não serão publicados.
Sexta-feira, 18 de Novembro de 2011

Mais uma vez os cortes

 

 

 Já é conhecida a minha opinião sobre o corte dos subsídios de Natal e Férias só aos funcionários públicos. Continuo a achar que é uma discriminação distinguir os portugueses em duas categorias: os “uns e os outros”, quando a Constituição de Portugal frisa bem “que perante a lei, todos os cidadãos são iguais”. Bem, mas isto é assunto para quem entende de leis, apesar de me parecer que as “ordens de Bruxelas” se sobrepõem à constituição.

Agora aparecem os senhores da “troika” dizendo que os vencimentos no sector privado também têm que baixar. Não é que isto me deixe satisfeito, mas se tal for a avante, então seremos todos a pagar a crise. Todos? NÃO! Tal como a aldeia do Asterix era irredutível aos romanos, há por aí uns senhores que também continuam a resistir em contribuir com a sua parte para o bem do país. Não adivinha quem são? Pois claro, os POLÍTICOS.

Veio hoje a saber-se que as pensões dos antigos políticos escapam ao corte feito aos funcionários públicos. Razão? É que a subvenção vitalícia dos pobrezinhos é anual e recebem-na em 12 prestações mensais e como tal não lhes podem cortar o 13º e 14º meses. Genial! Como eles arranjam sempre um abrigo por antecipação para as tempestades que ainda possam vir longe.

Eu desconto para a CGA há 40 anos, mas como só tenho 61 ainda tenho que trabalhar mais 4 para ter direito à minha pensão. Os políticos estiveram em actividade (e que actividade) meia dúzia de anos e aí estão eles de mão estendida ao estado para o resto da vida, para além das acumulações que eles inteligentemente arranjam.

Sempre afirmei que não queria ser político, mas hoje quero aqui em público dar o dito por não dito. Há por aí algum partido que me aceite e que me arranje um tacho (pode ser só um tachinho)?

 

Jacinto César    


Tasca das amoreiras às 16:26
Link do post | Comentar | favorito
7 comentários:
De Anti NODDY a 18 de Novembro de 2011 às 19:34
sem um comentariozeco sobre o nodoa da cidade nem sequer recebes outros comentarios

amigo cesar o NODDY é uma ganda nodoa

o iluminado do jornal dizia que so com criolina se apagava a nodoa da rua isabel picao, mas eu digo que o NODDY com gasolina é que desaparece

pois mete-se zagolina no jipi e ala desapaece daqui feloso.

agora venham dai os comentários fascistas defensores do Nody (quer dizer do Noddy que faz de defensor dele proprio) que o blogue está muito calado


De IP repetido a 19 de Novembro de 2011 às 02:07
Este parvo infeliz só me faz lembrar aquela lenda urbana elvense da "velha Mira" quando os gaiatos não se metiam com a velha, metia-se a velha com os gaiatos.


De IP repetido a 19 de Novembro de 2011 às 02:16
Mas deixando de parte o infeliz anti-noddy, por que razão há-de haver gente a recusar trabalho quando muitas empresas não encontram trabalhadores para trabalhar?


A solução seria baixar o ordenado mínimo para aumentar a competitividade das empresas e claro, reduzir ou mesmo anular as prestações sociais a quem tem idade (e saúde) para trabalhar e recusa o trabalho!


De Anónimo a 19 de Novembro de 2011 às 23:15
oh noddy pensava que ias falar na tua mae aquela boneca das notas de vinte escudos

vai passear palhaço


De Anónima a 20 de Novembro de 2011 às 06:45

Este IP repetido ...tenho que concordar com aquele senhor que dizia que ele é um idiota de todo o tamanho ...o salário mínimo já é uma miséria e este anormal ainda quer baixá-lo ...que tristeza de gente, aposto que nem faz nada na vida.  


De Anónimo a 20 de Novembro de 2011 às 14:25

https://www.facebook.com/#!/photo.php?fbid=252855941437411&set=a.176503199072686.44758.175942719128734&type=3&theater (https://www.facebook.com/#!/photo.php?fbid=252855941437411&set=a.176503199072686.44758.175942719128734&type=3&theater)


De IP Parvalhão a 20 de Novembro de 2011 às 22:15

Ser líder do CDS em Elvas não é propriamente um trabalho, pois não? É mais um "tacho" ...
Vai trabalhar, malandro!!! 


Comentar post

Últimos copos

Forte da Graça - 18

Forte da Graça - 17

Forte da Graça - 16

Forte da Graça - 15

Forte da Graça - 14

Forte da Graça - 13

Forte da Graça - 12

Forte da Graça - 11

Forte da Graça - 10

Forte da Graça - 9

Adega

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Agosto 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


A procurar na adega

 

Blogs de Elvas

Tags

todas as tags

últ. comentários

logo que poluiçao iriam causar duas ou tres embarc...
Muito interessante. Nessa documentação há document...
Nest baluarte existio uma oficina de artesanato on...
JacintoSó agora tive oportunidade de lhe vir dizer...
VERGONHA? MAS ESSAS DUAS ALMAS PERDIDAS RONDÃO E E...
Uma cartita. Uma cartinha. Uma carta.Assim anda en...
Os piores lambe-botas são os partidos de Esquerda ...
O mundo está para os corruptos e caloteiros. Uma a...
O mundo é dos caloteiros . Uma autentica vergonha.
"Não se pode aceitar que um professor dê 20 erros ...

mais comentados

101 comentários
89 comentários
86 comentários

subscrever feeds

SAPO Blogs