Elvas sempre em primeiro

Todos os comentários que cheguem sem IP não serão publicados.
Quinta-feira, 29 de Julho de 2010

Centro de Saúde de Elvas – A confusão

Ontem fui ao Centro de Saúde com a única finalidade de obter uma receita. Como não tenho médico de família há anos, dirigi-me lá, no dia anterior, para saber o que tinha que fazer.

Foi-me indicado que deveria ir lá no dia seguinte às 3 da tarde para obter uma consulta do dia. E eu assim fiz. Apresentei-me às duas. Foi-me dito então que as consultas das 3 da tarde já estavam completas e que era o terceiro das 4 horas. Perguntei naturalmente se me poderia ausentar naquelas duas horas que faltavam. Não senhor, se sair perde a vez. E lá tive que gramar as duas horas de espera e mais uns cigarros para passar o tempo.

O ano passado e mais ou menos por esta altura e precisamente para o mesmo efeito fui ao Centro de Saúde. Estava lá então um aparelho todo sofisticado em que introduzíamos o cartão e a máquina lá nos dava uma senha em que constava o módulo a que tinha que me dirigir. Melhor, até me tratava pelo meu nome e tudo. Pensei cá para comigo: estamos a evoluir.

Passado este ano, o dito aparelho habilidoso já lá não se encontrava e tudo se processava à moda antiga.

Eu, graças a Deus não estava doente e como tal, mesmo contrafeito, lá me sujeitei à espera. E se for uma mãe com uma criança? E se for um idoso? E se for uma pessoa que necessite mesmo de atendimento prioritário?

Não consegui entender o funcionamento do sistema.

Como as salas de espera são como os barbeiros, havia por ali conversas sobre o assunto. Ouvi uma que me preocupou e que fui confirmar a sua veracidade. Nesse mesmo dia de manhã, os médicos de serviço não compareceram. O Director do Centro que em princípio não dá consultas lá foi em socorro dos mais impacientes ou dos mais necessitados?

Mas afinal como é? Evoluímos ou estamos a andar para trás? Ou será que por ali ninguém manda? Ou os que deveriam obedecer estão-se nas tintas para os doentes?

Claro que já lá havia alguém a preencher o livro das reclamações. Será que vale a pena? E se todos fizéssemos o mesmo: protestar?

Haja saúde ou então os que vos posso desejar é que Deus nos salve!

 

Jacinto César    


Tasca das amoreiras às 01:41
Link do post | Comentar | favorito
11 comentários:
De Anónimo a 29 de Julho de 2010 às 09:01
Em Portugal os médicos estão-se nas tintas para os doentes. Já cheguei a essa conclusão há muito tempo. Lutam apenas pelos próprios interesses e acabou


De Anónimo a 29 de Julho de 2010 às 11:26
Fazer uma afirmação destas é generalizar.
Generalizar é errar e ser injusto.
Todos os médicos são assim? Todos?...
E as outras profissões, são tudo gente competente e cumpridora, ou são a mesma cena?
Se quiser responder?...

 


De Anónimo a 29 de Julho de 2010 às 11:32
ELVAS É NA MADEIRA?

Chão da Lagoa, Funchal, Madeira, Portugal.

Aquilo que se passa com a oposição, na Madeira, é um caso único. A oposição há mais de 30 anos que perde eleições, que têm sido ganhas pelo PSD. Mas a oposição continua a perder eleições e há responsáveis de partidos políticos a perder eleições atrás de eleições e não se demitem. Mais ainda: esses responsáveis de partidos da oposição, além de não se afastarem apesar de terem derrotas sucessivas, ainda têm o descaramento de pedir a demissão dos que ganham eleições umas atrás de outras.

Mais palavra menos palavra, esta foi uma ideia transmitida em parte do discurso de Alberto João Jardim, na tarde do último domingo.

Alô, Alberto João: isso não é só na Madeira! Cá por Elvas, há menino que perde eleições atrás de eleições, leva abadas de goleada e não só não se demite, como pede a demissão dos que ganham folgadamente as eleições que ele perde.

Quem é o menino, quem é?
Ou será que Elvas é na Madeira?
Alô, São Luís e Vila Nova de Milfontes: aí, no concelho de Odemira, está-se a ouvir alguma coisa?


De anonimo a 29 de Julho de 2010 às 19:06

O anonimo,é parvo á força toda,mas parvo que não cabe nas calças,quem o parvo quer atingir e que esta em s.luis-milfontes é o tiago abreu que esta de ferias e não se pode defender,nem eu estou pr o defender,esse comentario repetitivo so pode vir dum anormal,digo-lhe ANORMAL,apoiante duma amostra falsificada de Alberto joão,que é o seu mentor politico e espiritual,o Rondão de Almeida.
Diga alguma coisa positiva a favor de elvas,e de quem cá vive,seu ANORMAL/PARVO


De Anónimo a 29 de Julho de 2010 às 11:40

 


“Ontem fui ao Centro de Saúde, com a única finalidade de obter uma receita. Como não tenho médico de família há anos, (…)”


Nem é preciso ir mais longe; basta isso, para caracterizar a peça.


Ir “ao Centro de Saúde, com a única finalidade de obter uma receita” já é mau. As pessoas vão ao Centro de saúde para marcar uma consulta ou fazer um tratamento.


Uma pessoa que não tem “médico de família há anos”, apesar de ser morador desta cidade há décadas a fio, é desleixada.


Como tal e atendendo a que não ia fazer nada de urgente ou emergente, se teve “de gramar as duas horas de espera”, podia ter esperado quatro ou oito horas. Para o que tinha de fazer e para o calibre da peça em causa, não se perdeu nada. Até ganhou o Estado, através do imposto sobre o tabaco gasto.


 



De Anónimo a 29 de Julho de 2010 às 13:46
Até me parece que o Centro de Saúde de Elvas está a funcionar melhor, desde que foi criada a Unidade de Saúde Familiar Amoreira, em Março deste ano.
Sabe o que é isso, senhor Jacinto César?


De Anónimo a 29 de Julho de 2010 às 13:47

 


AFINAL…


Quando se começou a falar que Portugal e Espanha iam realizar em Elvas uma Cimeira Ibérica, com dezenas de governantes de cada um dos dois países ibéricos, logo o portinholada elvense apareceu a dizer três coisas: que a cimeira não seria em Elvas, que Sócrates já não seria primeiro-ministro e que Rondão não seria presidente da câmara. Afinal…


À medida que se aproxima a data, a abrir o Outono deste ano, entre o fim de Setembro e o início de Outubro, a portinholada elvense anda ainda mais triste. Afinal, a cimeira vai ser em Elvas. Afinal, José Sócrates é o primeiro-ministro de Portugal. Afinal, Rondão Almeida é o presidente da câmara de Elvas.


Tanto esforço feito, em sentido contrário, pela portinholada elvense, e nada!


Ao menos que fosse em Marvão ou Monsaraz e já não seria tão mau.


Ao menos que a primeira-ministra fosse a Ferreira Leite e já seria uma tristeza a menos.


Ao menos que o presidente da câmara fosse Simão das Dores e já isto tudo mudava de figura.


Afinal, o Senhor Jesus da Piedade não quer nada com a portinholada elvense.


Ele lá deve ter as suas fortes razões e os Elvenses continuam a estar-lhe muito gratos por estas graças recebidas.


 



De Anónimo a 29 de Julho de 2010 às 18:45
O socialista Almeida Santos dá este sábado uma entrevista ao «Diário Económico» onde defende o primeiro-ministro com unhas e dentes. E chega a compará-lo a Deus: Sócrates é como Deus nosso Senhor, está em toda a parte».

«Admiro-o por muitas razões, não só a resistência psíquica, clarividência, capacidade oratória, a de se deslocar. Ele é como Deus nosso Senhor, está em toda a parte», afirmou.

O ex-presidente da Assembleia da República, a quem José Sócrates apelidou de «Príncipe da Democracia» chama o primeiro-ministro de «amigo», uma amizade na qual tem «muito orgulho».

«Ele gosta muito de mim. Eu também gosto e admiro-o muito. E tenho muita pena que ele tenha sido tão mal tratado, tão agredido. Nunca nenhum primeiro-ministro foi tão agredido como ele e tão injustamente. Já o acusaram pelo menos de quatro coisas graves e ainda não provaram nenhuma. Mas continuam à procura», diz.

«Ele cansa um exército e quando vai a qualquer país ainda vai correr na rua», disse ainda do chefe do Governo, a quem admira ainda a «capacidade de inovação».

Almeida Santos acompanhou três primeiros-ministros socialistas, que admirou. «Tenho grande admiração por Mário Soares: pai da democracia. O Guterres: brilhante orador. Dos três, o melhor primeiro-ministro tem sido Sócrates», concluiu.>ALMEIDA SANTOS</a>, DEUS (http://www.agenciafinanceira.iol.pt/tag/DEUS), PRIMEIRO-MINISTRO (http://www.agenciafinanceira.iol.pt/tag/PRIMEIRO-MINISTRO), AGÊNCIA FINANCEIRA (http://www.agenciafinanceira.iol.pt/tag/AG%C3%8ANCIA_FINANCEIRA)</ul></div><div class="row position1" style="overflow-x: hidden; overflow-y: hid



De Elvense a 3 de Dezembro de 2010 às 02:01

Nota-se que este blog é feito pela esquerda de Elvas, só diz mal de tudo o que é feito em Elvas, se Elvas é assim tão má, pire-se daqui! Vá viver para Portalegre, no meio das serras, naquele cidade feia e mal desenvolvida!

VIVA ELVAS


De Anónimo a 3 de Dezembro de 2010 às 02:59
Infelizmente a cidade que é feia e que está mal desenvolvida é elvas. O desenvolvimento é tanto, que nao tarda é promovida a vila!


De Anónimo a 29 de Julho de 2010 às 18:46
O socialista Almeida Santos dá este sábado uma entrevista ao «Diário Económico» onde defende o primeiro-ministro com unhas e dentes. E chega a compará-lo a Deus: Sócrates é como Deus nosso Senhor, está em toda a parte».

«Admiro-o por muitas razões, não só a resistência psíquica, clarividência, capacidade oratória, a de se deslocar. Ele é como Deus nosso Senhor, está em toda a parte», afirmou.

O ex-presidente da Assembleia da República, a quem José Sócrates apelidou de «Príncipe da Democracia» chama o primeiro-ministro de «amigo», uma amizade na qual tem «muito orgulho».

«Ele gosta muito de mim. Eu também gosto e admiro-o muito. E tenho muita pena que ele tenha sido tão mal tratado, tão agredido. Nunca nenhum primeiro-ministro foi tão agredido como ele e tão injustamente. Já o acusaram pelo menos de quatro coisas graves e ainda não provaram nenhuma. Mas continuam à procura», diz.

«Ele cansa um exército e quando vai a qualquer país ainda vai correr na rua», disse ainda do chefe do Governo, a quem admira ainda a «capacidade de inovação».

Almeida Santos acompanhou três primeiros-ministros socialistas, que admirou. «Tenho grande admiração por Mário Soares: pai da democracia. O Guterres: brilhante orador. Dos três, o melhor primeiro-ministro tem sido Sócrates», 



Comentar post

Últimos copos

Forte da Graça - 18

Forte da Graça - 17

Forte da Graça - 16

Forte da Graça - 15

Forte da Graça - 14

Forte da Graça - 13

Forte da Graça - 12

Forte da Graça - 11

Forte da Graça - 10

Forte da Graça - 9

Adega

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Agosto 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


A procurar na adega

 

Blogs de Elvas

Tags

todas as tags

últ. comentários

Nest baluarte existio uma oficina de artesanato on...
JacintoSó agora tive oportunidade de lhe vir dizer...
VERGONHA? MAS ESSAS DUAS ALMAS PERDIDAS RONDÃO E E...
Uma cartita. Uma cartinha. Uma carta.Assim anda en...
Os piores lambe-botas são os partidos de Esquerda ...
O mundo está para os corruptos e caloteiros. Uma a...
O mundo é dos caloteiros . Uma autentica vergonha.
"Não se pode aceitar que um professor dê 20 erros ...
penso k será pior dizer k ñ tem pais!ou k ñ sabe k...

mais comentados

101 comentários
89 comentários
86 comentários

subscrever feeds

SAPO Blogs