Elvas sempre em primeiro

Todos os comentários que cheguem sem IP não serão publicados.
Sábado, 5 de Junho de 2010

Mais uma fraude!

 

Eu já não tenho a certeza se não sou um grande burro e não compreendo as medidas educativas ou então estamos mais uma vez perante outra grande fraude.

Não, eu sou mesmo um grande burro. Nos meus tempos de estudante, quem não sabia, chumbava e no ano seguinte repetia o ano. Havia aqueles que por falta de neurónios ou por deficiente acompanhamento familiar, repetiam uma e outra vez, mas acabavam por aprender.

Hoje as coisas são muito diferentes. Saiba-se ou não, a passagem do ano é quase garantida. Mais, se houver um malandro de um professor que queira reter (chumbar) um aluno, são tantos os problemas que se lhe colocam, que o melhor mesmo é passá-lo de ano.

Mas hoje demos um passo em frente. Agora já se saltam 2 anos. O menino se tiver 15 anos e estiver no 8º ano de escolaridade com meia dúzia de perguntas de algibeira (ver os exames do 4º e 6º anos de escolaridade), pode matricular-se no 10º ano. Fantástico! Fabuloso! Grandioso! Temos um país de vanguarda. Mais um ou dois anos e temos uma taxa de aprovação de 100%. Seremos grandes no mundo, facto só comparável aos Descobrimentos Portugueses!

Desculpem, mas tenho que ir vomitar!

 

Bom fim-de-semana para todos!

 

Jacinto César


Tasca das amoreiras às 00:00
Link do post | Comentar | favorito
6 comentários:
De Anónimo a 5 de Junho de 2010 às 10:12

Dou-lhe inteira razão e isto inclui "eu sou mesmo um grande burro" e sabe porquê?
È muito simples, se os professores não querem ser avaliados e o 1º ministro tirou o curso de engenharia do modo como tirou porque deve ser diferente para os alunos!?

CURTO E GROSSO.


De Anónimo a 5 de Junho de 2010 às 22:16

Grande anormal!


De Tasca das amoreiras a 6 de Junho de 2010 às 11:05

Ilustre Antónimo


Mais uma vez enganado.


Se tiver estado atento à luta dos professores relativamente à avaliação terá notado que, com excepção de uma minoria, o que estava em causa não era nem nunca foi ser ou não avaliado, mas sim a forma com essa avaliação iria ser efectuada, se tiver continuado atento saberá que se chegou a um acordo em Dezembro de 2009. O que poderá não ter chegando ao seu conhecimento, principalmente se estiver fora do sistema, é que esse acordo não foi vertido em lei até este momento, o que só depende do Governo e mais concretamente do Ministério da Educação.


- Sabe qual o resultado desse atraso na publicação da lei?


Eu esclareço, os professores este ano, na sua grande maioria não foram avaliados por vazio legal, tendo apenas sido aplicada uma avaliação simplificada, no modelo pré-acordo, aos contratados e a algumas situações especiais.


Pergunto eu:


- Será que agora avaliar os professores já deixou de ser uma prioridade?


- Com que objectivo se atrasa seis meses (pelo menos) a publicação de uma lei?


É que, em quase trinta anos que tenho de ensino, depois de uma guerra tão grande na qual se manipulou a opinião pública para fazer crer que os professores não queriam ser avaliados, este á o primeiro ano em que, por omissão do Governo não vou ser avaliado!...


António Venâncio




De Anónimo a 6 de Junho de 2010 às 15:52

O Sr Venâncio dá-me razão no seu comentário, diz que, a avaliação dos professores  foi simplificada e a dos alunos anulada, qual a diferença! Uns lutam por ter + $ com menos trabalho e outros - menos trabalho por mais classificação, o menos trabalho é comum á portuguesa.
E limitei-me a estar de acordo com o que o Sr César disse, inclusivè quanto ao seu julgamento pessoal e quem se atira ao que eu comento é o Sr não percebo. Embora entenda o que me transmite " o governo é um trafulha", o que não é novidade mas, aquele sindicalista do bigode, não é menos trafulha. Lembre-se da quantidade de sindicalista que ganhavam o ordenado sem nunca darem uma aula e alguns aproveitavam para gerir uns negócios partigulares mas, na hora da greve lá estavam a reinvindicar +++++++$$$$$$.
Sabe tanto como eu que as direcçôes dos sindicatos  sabiam perfeitamente o que se passava e nada faziam para isso mudar
e não me lembro de haver da V/ parte indignarem-se contra os delegados sindicais. que usavam e abusavam


De Tasca das amoreiras a 6 de Junho de 2010 às 18:19

Caro anónimo


No seu comentário anterior afirma V. Exª que os professores não queriam ser avaliados.


Agora vem distinguir entre professores e sindicalistas e destes refere concretamente um.


Saiba que nunca lutei por mais cifrões por menos trabalho, nunca foi isso que esteve em causa mas sim uma campanha de desinformação a propósito de uma proposta de avaliação que apenas servia para subjugar o professor à lei da estatística e promover o facilitismo que agora se vem novamente promover com a passagem do 8º para o 10º sem passar pelo 9º.


Se lhe respondi, foi por ter confundido as coisas, ao dizer que os professores não queriam ser avaliados. A verdade é que o Ministério é que nunca quis avaliar-nos com uma avaliação séria, e a prova é que, quando se chega a um acordo, que não sendo o ideal já é aceitável, o Ministério prefere não avaliar.


António Venâncio



De Tasca das amoreiras a 6 de Junho de 2010 às 10:44

Companheiro


Só faltou um pormenor, é que não são todos os alunos do 8º ano com 15 anos que se podem submeter a essas provas, são apenas aqueles que, no final do ano se encontrem em situação de ficar retidos.


Mas meu amigo, tudo isto é normal, estamos a formar jovens para o país que temos. É bom que eles se habituem a ver subir a incompetência!...


António Venâncio




Comentar post

Últimos copos

Forte da Graça - 18

Forte da Graça - 17

Forte da Graça - 16

Forte da Graça - 15

Forte da Graça - 14

Forte da Graça - 13

Forte da Graça - 12

Forte da Graça - 11

Forte da Graça - 10

Forte da Graça - 9

Adega

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Agosto 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


A procurar na adega

 

Blogs de Elvas

Tags

todas as tags

últ. comentários

logo que poluiçao iriam causar duas ou tres embarc...
Muito interessante. Nessa documentação há document...
Nest baluarte existio uma oficina de artesanato on...
JacintoSó agora tive oportunidade de lhe vir dizer...
VERGONHA? MAS ESSAS DUAS ALMAS PERDIDAS RONDÃO E E...
Uma cartita. Uma cartinha. Uma carta.Assim anda en...
Os piores lambe-botas são os partidos de Esquerda ...
O mundo está para os corruptos e caloteiros. Uma a...
O mundo é dos caloteiros . Uma autentica vergonha.
"Não se pode aceitar que um professor dê 20 erros ...

mais comentados

101 comentários
89 comentários
86 comentários

subscrever feeds

SAPO Blogs