Elvas sempre em primeiro

Todos os comentários que cheguem sem IP não serão publicados.
Domingo, 4 de Outubro de 2009

Porque não voto em … Parte 4

Simão Dores

                                 

 

 

Com o devido respeito, sobre os 3 candidatos anteriores, pouco ou nada havia que dizer, mas o mesmo não se pode dizer deste, já que é um candidato forte e com pretensões a ganhar.

Tentarei ser o mais objectivo possível para explicar o meu NÃO à candidatura de Simão Dores.

 

1 – Por aquilo que fui sabendo nestes últimos meses sobre o cabeça de lista, é que se trata de uma pessoa inteligente e educada, tendo como senão a falta de experiência nestas andanças.

2 – O primeiro grande tiro no pé de Simão Dores foi o facto de quando chegou a Elvas e juntamente com outras pessoas funda a ADE. Ouviu-o dizer que tal movimento não daria origem a uma candidatura. Claro que ninguém acreditou e como tal não disse a verdade. Além disso colocou no mesmo saco “ratos”, “gatos” e “cães” sem se saber bem como é que ia gerir “esta bicharada”.

3 – Contra a vontade de muitos militantes e simpatizantes do PSD e do CDS lá se assumiu como candidato de uma coligação “contra-natura”. Não por ele, mas pela salganhada em que se tornou a pseudo coligação.

4 – Pelos motivos atrás referidos e por algumas pessoas que compõem as listas, a coligação não me merece confiança. Lamento-o principalmente pelos amigos que lá tenho. Eles sempre souberam a minha opinião.

 

Sobre as personagens já disse tudo. Vamos agora ao programa.

 

Fazer um programa é muito fácil. Cumpri-lo é que já é mais difícil. Li o programa linha por linha com muita atenção. Reli aquilo que me pareceu mais relevante e cheguei à conclusão: propostas, há muitas, mas dizer o “como” é que não. Vejamos as principais de cada capítulo.

1 – Saúde e Acção Social

 

Para além das vulgaridades que todos dizem, há uma que chama logo à atenção: Reabertura da Maternidade e Revisão da classificação do Hospital. Como é que se pode prometer tal coisa se todos sabemos que depende do Poder Central tal decisão? Mais, não sendo contra a reabertura da dita maternidade, é do conhecimento de todos que uma maternidade só é viável TÉCNICAMENTE se houver um determinado número de partos por ano, coisa que não acontece em Elvas. Já agora porque não reivindicar um serviço de Neurocirurgia? Sei que neste momento estarão a dizer que sou “socialista” e que estou a favor das medidas do governo Sócrates. Todos nós nos estamos a enganar a nós próprios, mas lá no fundo sabemos que em determinadas matérias o “homem” até acertou. Contrariamente aquilo que se possa quer fazer passar, o problema não é económico mas sim técnico. Passemos à frente.

 

2 – Desporto, cultura e turismo

 

Os lugares comuns são tantos que nem vale a pena debruçar-me sobre a maioria, no entanto gostava que me fosse explicado como é que se propõem levar à prática algumas propostas.

2.1 – Como é que se propõem resolver o restauro do património religioso se este é “pertença” do Arcebispado de Évora, e estes nem resolvem nem deixam resolver?

2.2 – Como se propõem resolver o problema ESCANDALOSO do restauro das Capelas dos Passos se estas estão sob a alçada do antigo IPPAR, estando o organismo teso que nem um carapau? O próprio organismo foi recentemente despejado da sua sede em Lisboa e nem eles próprios conseguem governar a sua casa?

2.3 – E como resolver a questão do património militar? Só se declararem guerra às Forças Armadas.

2.4 – Já não chegava o jardim zoológico privado do actual presidente como agora querem promover um municipal. E se deixassem os animais em paz? Ou será que algum dos senhores candidatos gostaria de estar a servir de exposição numa jaula ou num pequeno espaço?

 

3 – Ensino

É muito fácil dizer que queremos reforçar o Ensino Superior em Elvas, agora convencer as Universidades a colocar aqui um pólo é de loucos. Elas estão mesmo dispostas a abrir mão de algum curso para vir para Elvas. O Ensino Superior em Portugal já está como está, com excesso de cursos e cuja utilidade é muito duvidosa. Se se está a pensar no Ensino Superior Privado, bem, o melhor é nem se chegarem para cá, para que daqui para amanhã não estejamos todos a chorar por causa de mais umas quantas aldrabices feitas pelas empresas privadas detentoras dos alvarás. É só começar a contar os casos passados em Portugal, sendo a mais famosa aquela que licenciou o “nosso” primeiro-ministro.

 

4 - Políticas de Cidade

Revitalização do Centro histórico, blá blá blá … Eu já oiço essa conversa há muitos anos e em muitas cidades e até agora ninguém ainda descobriu a fórmula mágica. Não tenho aqui espaço para enumerar os milhentos centros históricos abandonados no nosso país e por essa Europa fora. Seria mais honesto nem falar no assunto, em que todos têm uma ideia, mas ainda ninguém a pôs em prática. Elvas, dado que o C.H. está delimitado pela cintura de muralhas que serve de fronteira entre “o velho” e “o novo”, é dos casos mais difíceis de resolver, fazendo fé nos estudos de arquitectos urbanistas.

 

Como o texto já vai longo, apesar de haver muitas coisas para dizer, vou directamente para o último capítulo do programa e que fala da Reorganização dos Serviços camarários, porque parece-me haver aqui uma maldade muito grande a roçar quase o sadismo. “Proceder à Dignificação do Estatuto do Trabalhador da CME”. O que é que nas entrelinhas se está a dizer ou prometer? Acho que toda a gente que trabalhe tem que ser dignificada, já que os que nada fazem deveriam ser marginalizados da sociedade. Que querem dar a entender então? Já copiaram as promessas do candidato à Câmara de Lisboa, António Costa.

 

Lamento, mas por estas e por outras razões não posso votar em vós.

 

Jacinto César

                            

 


Tasca das amoreiras às 01:55
Link do post | Comentar | favorito
16 comentários:
De Anónimo a 5 de Outubro de 2009 às 15:28

Grande novidade nos dás! És apoiante de Rondão desde a primeira hora pelo que andaste às voltas e voltinhas para dizeres o que disseste. Já comparaste os programas? Está claro que amanhã irás escrever "PORQUE VOTO EM RONDÃO" e todos sabem porquê não é Jacinto? Os filhos dão-nos destas fezes...


De Anónimo a 5 de Outubro de 2009 às 19:15
Está descansado.
O César vai dizer porque não vota Rondão.
Que é como quem diz não vota em ninguém.
Não o conheces?...
O que esperavas?...


De Anónimo a 5 de Outubro de 2009 às 16:41
César tu não votavas fosse qual fosse o programa tu queres + uma vez justificar o teu voto no Rondão e tudo o que disserem os programas tu ou dizes que é impossível cumprir o prometido ou que, é uma salganhada a colisão.
Quanto aos programas de reabilitação lembro que a verba gasta no coliseu rondou os 10.000.000 de euros, que daria para comprar ou trocar o celebre edifício que prejudica a candidatura do centro histórico a Património Mundial e que há 16 anos foi prometido pelo actual executivo e até hoje não passa de promessas e ainda fazer a restante reabilitação, isto é um exemplo de como invertendo as prioridades se consegue obter outros resultados com o mesmo dinheiro gasto.
Quanto ao hospital relembro que quando ia fechar o antigo, o ex presidente da câmara João Carpinteiro impôs ao governo que ou faziam um hospital novo ou não se recandidatava e assim, conseguiu o que parecia impossível .
Apesar de o governo ter cedido e termos conseguido um hospital novo que hoje é o garante de centenas de emprego muitos deles muito bem pagos o que é certo é que a população deu a maioria a Rondão que tratou logo de arrasar, humilhar e desapreciar todo o trabalho realizado pelo Carpinteiro acusando-o de ter arruinado o concelho torna-se engraçado que o Carpinteiro como o Sr César apele ao voto no Rondão ele admito que talvez seja por dependência ou cobardia politica agora o professor é demência e esquizofrenia politica tudo o que a oposição faz é mal feito e não tem sentido as propostas é deveras intrigante mas logo, logo se verá quais os seus objectivos.







De Anónimo a 5 de Outubro de 2009 às 19:00
Vamos lá devagar.
O Carpinteiro não perdeu a câmara, porque o povo foi ingrato. Houve causas.
Desde logo, mau ajudado por uma familiar de Paulinho Portinholas que montou uma teia donde Carpinteiro nunca se livrou.
A principal causa foi, contudo, o aparecimento de Rondão Almeida em Elvas na luta partidária.
Tivesse sido outro o candidato PS em 1993 e Carpinteiro seria reeleito pela segunda vez...  


De Anónimo a 5 de Outubro de 2009 às 19:13
Simão das Dores, no espaço dado aos candidatos à câmara pela Rádio Elvas hoje, foi "formidável" - para utilizar um adjectivo muito querido de Paulinho Portinholas.
Formidável, porque desta vez não cometeu erros.
Formidável, porque não disse mal de ninguém.
Formidável, porque desta vez não foi arrogante.
Formidável, porque não mostrou ser desconhecedor.
Formidável, porque... não falou!!!
Eheheheheheheheheheheheheheheheheheheh


De Anónimo a 5 de Outubro de 2009 às 19:33
Bé... los tempos


De Anónimo a 5 de Outubro de 2009 às 19:07
"é um candidato forte e com pretensões a ganhar"
Calma, senhor professor!
Que tenha "pretensões de ganhar", aceito; é legítimo que qualquer um queira ganhar. Mas atenção: quem tem a mpretensão de ganhar, tem de ser responsabilizado se perde, mas tem de ser responsabilizado fortemente se perder por muitos. Vai ser o caso de Simão das Dores.
Agora, "um candidato forte" é outra coisa. Os números de 11 de Outubro vão provar que Simão das Dores pode até ser mais fraco que todos os que concorreram com Rondão Almeida: Carpinteiro, Kuksky, Torneiro e Fonseca.


De Anónimo a 5 de Outubro de 2009 às 19:31
Candidato forte, resultado fraco


De Anónimo a 5 de Outubro de 2009 às 19:19
Cá para mim, Rondão Almeida já embalou para a vitória esmagadora.
Os comícios de Vila Boim e de Santa Eulália já deram o tom.
A caravana da tarde do feriado (com mais de 200 carros) foi arrasadora.
Barbacena, Terrugem, São Vicente e Elvas são os locais dos próximos comícios.
Tudo anuncia os resultados de domingo, dia 11.
Depois, no mínimo, não digam que não foram avisados. 


De Anónimo a 5 de Outubro de 2009 às 19:24
O grande momento político da tarde do feriado de 5 de Outubro aconteceu em plena estrada nacional nº 4, entre Vila Boim e a Terrugem.
De um lado da estrada viajava Paulinho Portinholas no seu jipe. Em sentido contrário, desfilava a interminável caravana de Rondão Almeida, com mais de 200 viaturas!!!...
A cara de Paulinho Portinholas era o rosto do desalento MUDE, diante da onda de Rondão.
Como diz um ditado espanhol, "tu cara es um poema".
E está tudo dito.
Neste feriado, Portinholas fez um belo treino para domingo à noite. Hibitue-se, é o meu conselho.


De Anónimo a 5 de Outubro de 2009 às 19:36
A propaganda de alguns quis fazer de Dores um candidato para um mano-a-mano com Rondão.
Após os resultados de dia 11, é preciso que se escreva com todas as letras que a derrota foi esmagadora, os resultados miseráveis e as expectativas todas falhadas.


De Anónimo a 5 de Outubro de 2009 às 19:45

"Depois de ter recebido em casa o livro com todos os candidatos pela MUDE, lamento sinceramente que o Tiago Abreu não vá em lugar de destaque."

Isto é parte dum comentario do blogue do tiago abreu! como "anónimo" é óbvio! repararam q já anda a lançar farpas com veneno contra os colegas MUDEs?? Isto é o desgaste e deorientação total da pseudo coligação de stalnistas com psd´e e cds ´s!  Ou melhor, é o tiago no seu melhor com o seu estilo habitual!


De Anónimo a 5 de Outubro de 2009 às 21:34
Anonimo das 19.07
"Olhe que não Olhe que não"
Eu, e sou só um exemplo, votei nas eleições para a Câmara uma vez logo depois do 25 de Abril
Dia 11 VOLTO a votar e NÃO Rondão


De Anónimo a 5 de Outubro de 2009 às 22:46
Acabo de chegar de um lugar público onde estive a tomar café com uns amigos e, inevitavelmente, falamos da campanha autarquica em Elvas. Quase todos eramos defensores de Rondão de Almeida e hoje, a seis dias das eleições, decidimos apoiar o MUDE. Porquê? A gota de água foi mais um papel nas caixas do correio a dizer mal do MUDE. Eu nunca li um papel do MUDE com ataques pessoais à lista do PS. Se Rondão de Almeida tem obra feita, basta entrar em Elvas para se constatar, qual a necessidade desta "baixaria"? Porquê tão agarrado à cadeira do poder? Bom... Inclusivamente neste seu blog, alguns comentadores dirigem-se a pessoas com nomes agressivos, mal-criados e anti democráticos. 
Quanto ao seu post de hoje é perfeitamente infeliz e, apenas se justifica, pela sua necessidade, de publicamente, vir dar explicações das suas opções políticas. Ora estamos em democracia, logo o sr voto em quem lhe der na "real gana".
Quanto ao seu ponto 2.  "... colocou no mesmo saco "ratos", "gatos" e "cães"..." é absolutamente verdade, partindo do princípio que se refere ao PSD, CDS e, não sei qual, mas um partido radical de esquerda. Então e a outra lista? Por acaso não encontra lá (ex) PCP? e (ex) PSD? Para não revelar mais. Não!?!!
No seu ponto 4. "... a coligação não me merece confiança..." E a outra? Para um homem com a sua cultura, isto´só pode ter sido uma distração.
Saúde e acção social: a maternidade. O sr anda, outra vez, distraido ou não tem acesso aos diários da república. Parto do princípio que é a segunda hipótese.
Desporto, cultura e turismo: património. Sobre este tema decidiu brincar. O blog é seu tem todo o direito. Eu não me vou identificar, mas apenas lhe digo que é o mais facilmente realizavel do programa.
Ensino: tem alguma razão. Mas fique a saber que há uma instituição que vê com bons olhos abrir em Elvas.
Politicas de cidade: também tem alguma razão. Mas há soluções, pense um bocadinho.



De Anónimo a 5 de Outubro de 2009 às 23:16
Eh, pá!
Prepara-te para perderes.
Rapidamente.
Se demoras uma semanas a preparar-te, já é tarde.


De bruno a 6 de Outubro de 2009 às 01:19


E isto para não falar das centenas de jovens a apoiar Rondão Almeida no coliseu com o som de Oscar Dj .
Isso sim foi de arrasar. Para não falar do "pseudo" stripp que Rondão Almeida nos proporcionou. O homem realmente é imparável.

 
Dia 11 de Outubro voto Rondão Almeida!


Comentar post

Últimos copos

Forte da Graça - 18

Forte da Graça - 17

Forte da Graça - 16

Forte da Graça - 15

Forte da Graça - 14

Forte da Graça - 13

Forte da Graça - 12

Forte da Graça - 11

Forte da Graça - 10

Forte da Graça - 9

Adega

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Agosto 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


A procurar na adega

 

Blogs de Elvas

Tags

todas as tags

últ. comentários

logo que poluiçao iriam causar duas ou tres embarc...
Muito interessante. Nessa documentação há document...
Nest baluarte existio uma oficina de artesanato on...
JacintoSó agora tive oportunidade de lhe vir dizer...
VERGONHA? MAS ESSAS DUAS ALMAS PERDIDAS RONDÃO E E...
Uma cartita. Uma cartinha. Uma carta.Assim anda en...
Os piores lambe-botas são os partidos de Esquerda ...
O mundo está para os corruptos e caloteiros. Uma a...
O mundo é dos caloteiros . Uma autentica vergonha.
"Não se pode aceitar que um professor dê 20 erros ...

mais comentados

101 comentários
89 comentários
86 comentários

subscrever feeds

SAPO Blogs