Elvas sempre em primeiro

Todos os comentários que cheguem sem IP não serão publicados.
Sexta-feira, 18 de Setembro de 2009

O debate

 

 

Hoje era o dia de desejar a todos um bom S. Mateus e parar uns dias, mas não resisti a comentar o acontecimento político da semana e que foi o debate dos cinco candidatos ao pódio do poder local.

Não sou adivinho nem bruxo, mas palpitava-me o que iria acontecer. Só não sabia alguns pormenores. Mas vamos ao que interessa.

Comecemos por Manuel António. Igual a si próprio, duvido que tivesse constituído surpresa para alguém. Sonhador como sempre, o eterno candidato disse o que todos já sabíamos. Nada!

O candidato do PCP, não o conhecendo, adoptou pelo discurso agora muito em voga no partido. Falas mansas e sempre pronto a colar-se ao poder usou todo o charme possível para não fazer feridas ao possível vencedor. Quanto a ideias, nada!

O bloquista Luís Pedras constituiu uma decepção ao comportar-se de um modo muito idêntico ao candidato comunista. Pareceu todo mel para Rondão de Almeida. Apresentou algumas ideias vagas e depois grudou a quem interessava. Se a sorte lhe bater à porta dava jeito ter “um amigo” poderoso. No geral esteve uns furos acima dos anteriores.

Rondão de Almeida esteve igual a si próprio. Nem mais nem menos. Limitou-se a gerir a “conversa”. Pôs em evidencia o trabalho feito, não fazendo muitas promessas, não vá o diabo tecê-las. Quem já votava nele de qualquer modo, continuará a fazê-lo. Dos outros e dos indecisos, poderá ter ganho mais alguns adeptos. Pragmático nos argumentos e nas ideias não deixou dúvidas a quem ouviu. Um animal político e com a lição muito bem estudada em casa.

Deixei para o fim o candidato do MUDE, Simão Dores. Foi a primeira vez que o ouvi falar. Continuo a acreditar que seja uma boa pessoa, mas foi uma decepção total. Mal preparado e confuso nas ideias fez o jogo que lhe ensinaram e perdeu. Entrou pelo caminho que não devia e saiu-se mal. Fazer um discurso pela negativa já não convence ninguém. Os conselheiros não o ajudaram, antes pelo contrário e o resultado foi o que se viu. Resumindo, criticar e fazer propostas que não explicou. O Dr. Simão Dores andou perdido do princípio ao fim e mostrou ser desconhecedor da realidade elvense. Só marcou pontos ao garantir que ficaria como vereador se perdesse as eleições, coisa que me parece ainda não ter esclarecido até aquele momento. Se tal acontecer, é natural que para umas próximas eleições já esteja mais bem preparado. Agora neste momento só se pode limitar a sonhar. Mais, se um dia quiser ser mesmo um candidato a sério terá que se rodear de outro “staff” que não este. Como se costuma dizer, diz-me com quem andas e eu dir-te-ei quem és, e na verdade as “companhias” não eram as melhores. Daqui a quatro anos há mais e já não terá Rondão a incomodá-lo. O pior é se lhe aparece uma “Rondoa” pela frente. Até lá muita água ainda passará por debaixo das pontes.

 

Jacinto César     

 


Tasca das amoreiras às 04:27
Link do post | Comentar | favorito
28 comentários:
De Anónimo a 19 de Setembro de 2009 às 09:51
Desta vez tenho que concordar consigo, César, apesar de achar que tens muito mau feitio.

Simão das Dores não tem preparação séria para debater com Rondão Almeida e pior ainda quando sabemos que foi "preparado" por Tiago Abreu.

Claro que as reacções dessa coligação são sempre que ganharam, mesmo quando todos sabemos que perderam ou qualdo têm uma casa vazia e dizem que está cheia.
Deve ser a estratégia que o Paulo Portas sénior ensinou ao paulinho Portinholas elvense e que o grupinho da extrema-direita à extrema-esquerda anda a assimilar.


De Anónimo a 19 de Setembro de 2009 às 10:37
No debate da Rádio elvas com os 5 candidatos, aconteceu o expectável:
- Rondão saiu ileso
- para o Simão bastou o Pedras
- Torneiro e Pinheiro não são deste campeonato


De Anónimo a 19 de Setembro de 2009 às 10:39

O debate da Rádio Elvas correu mal a Simão das Dores.
Foi uma mensagem caceteira e bota-abaixo que passou.
Se não perceber que as ideias de "Elvas é o pior" e "à volta todos são todos melhores que nós" só favorecem o presidente da câmara, vai ter um resultado miserável para quem enche a boca a dizer "eu vou ganhar a câmara".
Uma coisa é a Manuela ou o Sócrates dizerem que ganham e podem perder por 2%, 4% ou 6% de diferença.
Outra coisa é Dores dizer que vai ganhar e perder por 5-1 ou 6-1 para Rondão.


De Anónimo a 19 de Setembro de 2009 às 10:45

Senhor César:
Eu ouvi o debate na Rádio Elvas.
Eu acompanho a vida política local.
Por isso, julgo poder acrescentar algo ao que postou. Mas para não ficar muito extenso, vou responder por partes. Certo?

Parte 1
Concordo consigo quando diz que o debate correspondeu às expectativas, positivas e negativas de cada candidato.
Não era de esperar outra coisa. Como é que Rondão se poderia mostrar fora dos problemas, Torneiro com ideias novas, Pinheiro arrebatador e com carisma, Simão dentro dos assuntos locais e regionais, ou Pedras com capacidade mobilizadora através da palavra?
Não podiam.
Evidentemente!


De Anónimo a 19 de Setembro de 2009 às 10:51
Parte 2
Manuel António Torneiro
Este senhor é candidato a presidente da Câmara Municipal de Elvas desde 1976; há 33 anos. Perdeu sempre e a maior parte das vezes perdeu por largas e humilhantes diferenças.
O que foi lá fazer? Nada. A não ser demonstrar que já não devia andar nisto! Até para bem dele.
A Rádio Elvas fez-lhe a enorme concessão de o incluir no debate. Por alguma razão RTP, SIC e TVI não incluíram os MMSs, os MEPs e outros minorcas nos 10 debates organizados com os 5 candidatos da I Divisão...


De Anónimo a 19 de Setembro de 2009 às 10:57
Parte 3
João Pinheiro
O candidato da CDU surge nesta corrida eleitoral a demonstrar com clareza que o PCP está acabado em Elvas.
Como é possível que a CDU, uma força política organizada em todo o País, não seja capaz de arranjar para cabeça de lista, numa cidade do Alentejo, um candidato que não seja um funcionário do PCP há mais de 30 anos?...
Sobre as suas intervenções no debate, esteve estilo cassete, limitado dos carris comunistas, repetindo chavões conhecidos e sem capacidade de apresentar uma ideia inovadora, para a cidade onde dorme e come há tantas décadas, como o próprio referiu.
Deprimente, para o PCP.
Está aqui, porque não há outro. É triste. 


De Anónimo a 19 de Setembro de 2009 às 11:03
Parte 4
Luís Pedras
Atenção do Bloco de Esquerda!
Vamos já ver já no dia 27 o seu peso, no concelho e a nível de Legislativas, para indicador do que poderá suceder em 11 de Outubro.
E só pode acontecer uma coisa: eleger um vereador. É difícil, mas a tarefa é possível.
No debate da Rádio Elvas, Luís Pedras em muitos momentos chegou para desmontar a presença caceteira de Simão das Dores, o que foi mau para este.
Pedras teve o toque de sonhador iniciado, que o BE lhe possibilita. Abusou na defesa do seu Bairro da Boa-Fé, onde os irmãos Rondão têm um dos mais completos trabalhos autárquicos dos últimos 4 anos.
Ainda assim, para mim, obteve o segundo lugar neste enfrentamento a cinco.


De Anónimo a 19 de Setembro de 2009 às 11:11
Parte 5
Rondão Almeida
Creio que o senhor César resumiu bem ao considerar a presença deste candidato no debate da Rádio Elvas como "um animal político e com a lição muito bem estudada em casa".
Certo, mas eu acrescento: que se notou ainda mais na presença de quem não é animal político e não estudou nada bem, ou teve maus professores, em casa!
A generalidade dos elvense sabe reconhece a obra de Rondão Almeida. Por isso, vai voltar a ganhar com ampla maioria.
É verdade que há quem não goste; por isso, esses vão dispersar as migalhas pelas outras quatro candidaturas.
Contudo, o actual e futuro presidente da câmara esteve seguro, firme, bem preparado e a mostrar bagagem. Como tal, venceu o debate com tranquilidade e sem se esforçar muito.
Sectarismos à parte, quem esperaria outra coisa? 


De Anónimo a 19 de Setembro de 2009 às 11:23

Parte 6
Simão das Dores
Trata-se de uma pessoa desenraizada de Elvas há muito tempo. Aqui tem voltado, a espaços, nos últimos 15 meses, mas revelando uma ausência gritante em locais públicos e de massas. Nota-se.
Trata-se de um candidato que começou por fazer uma associação (lembram-se da ADE?), que permitiu que Rondão logo o desmascarasse e dissesse "Aqui está o candidato do PSD/CDS!".
Nunca foi capaz de desmentir, ficando desde logo com a careca à mostra.
Juntou-se com a dupla Cabaceira/Tiago e ainda foram buscar um reforço ao mercado sindicalista: Vieira.
Saiu o MUDE e é o que se vê.
Irrealista (ou com táctica desadequada) passa a mensagem que ir ganhar a câmara, mas os resultados vão cobri-lo de ridículo em 11 de Outubro.
Preparou-se para o debate da Rádio Elvas com Tiago, Cabaceira e Vieira. Resultado: o desastre que se viu!
Deu porrada na cidade e no concelho, ao estilo somos dos piorzinhos, e o povo não gosta de ouvir deitar abaixo a sua terrinha.
Utilizou os números estatísticos que há 4 anos já não deram bom resultado a José Carlos Fonseca.
Como lhe disse o moderador João Fernando, o trabalho do MUDE tem sido espalhar outdoors.
É muito pouco, mesmo para quem apenas não queira fazer má figura.
É desprezível, para quem diz que vai ganhar a câmara. Para essa figura, Manuel António chegaria, o PSD/CDS não precisava ter ido buscar um economista tão longe...


De Anónimo a 19 de Setembro de 2009 às 11:44
Em linguagem de São Mateus...
Rondão Almeida organizou a festa, mandou lançar os foguetes e também deu ordem para convidar os mais carenciados para os espectáculos.
Luís Pedras arrumou os automóveis, ou seja deu uma mãozinha na organização do Rondão.
Simão das Dores urinou-se todo com as bejecas do Cabaceira.
Manuel Torneiro não teve lugar para estacionar, regressou à Calçadinha e deitou-se com as galinhas.
João Pinheiro não foi capaz sequer de chegar à Piedade.
Boa feira!
Boas festas!
Bom São Mateus!


De Anónimo a 19 de Setembro de 2009 às 12:41

O Jacinto é como aqueles comentadores "independentes" que são tudo menos isso. Jacinto é apoiante de Rondão e por isso não estranha o que diz.

O Dr. Simão das Dores esteve muito bem, melhor que qualquer um e fez propostas. Dizer que foi uma desilusão é fazer o jogo daquele que se apoia.

Parabéns Simão das Dores!


De Anónimo a 19 de Setembro de 2009 às 10:40
Discordo completamente. O Luís Pedras esteve muito melhor do que os outros e disse melhor as suas ideias do que outros que por ali andaram desorientados. Sem fugir do tema mas tu falas de uma Rondoa e acho que te queres referir á Drª Elsa e não percebo o que te mete contra a senhora que te trata com açucar. Já a ouvi mais do que uma vez a dizer tão bem do César que até enjoa e até acha que és um bom professor, só mostra falta de gosto ou não sabe mesmo o que tu és e tu não perdes oportunidades de lhe atirares com tudo acima.
voltando ao Luís Pedras é um politico sério e defende os serviços públicos como politica geral do Bloco.


De ANONIMO a 19 de Setembro de 2009 às 15:48
DOS 5 CANDIDATOS &nbsp;O QUE ESTEVE MELHOR . <br />FOI LUIS PEDRAS<br />&nbsp;QUER QUEIRAM QUER NÃO &nbsp;O BLOCO DE ESQUERDA VAI SUBIR MUITO &nbsp;NO CONCELHO DE ELVAS


De Anónimo a 19 de Setembro de 2009 às 11:37

A maior dúvida que eu tenho, no pós-debate da Rádio Elvas, é saber o que terá sido dito a Simão das Dores pela sua "base-intelectual-de-apoio", Cabaceira, Tiago e Vieira.

Por que só vejo duas hipóteses:
- dizer ao candidato "estiveste muito bem, ganhaste o debate, vais derrotar o Rondão, os 16 anos socialistas em Elvas acabam dentro de 3 semanas";
- ou afirmar ao candidato "é pá isto está mesmo a correr-nos mal, assim não vamos ter hipóteses, levamos porrada do PS e do BE, temos de mudar muito em pouco tempo". 

No primeiro caso, a marcha alegre para o abismo continua; é só prosseguir assim, com o passo certo, e o desastre está assegurado.
Na segunda possibilidade, como é possível inverter a marcha desta banda, quando os seus quatro elementos principais apenas sabem bater nos instrumentos? Sim, "bater"; porque "tocar" é outra coisa.
Num caso como no outro, o MUDE entra no Complexo Funerário de Elvas, num caixão do Rente, na noite de 11 de Outubro. Paz à sua alma.


De Anónimo a 19 de Setembro de 2009 às 12:46

Rádio Elvas, a rádio oficial do MUDE.
Patrocínio exclusivo: Tiago Abreu e Simão Dores.
Expecialista em: Cozido de Direita com sindicalistas á portuguesa.

Nunca pensei viver para ver uma coisa destas!


De Anónimo a 19 de Setembro de 2009 às 14:30
Não ouvimos o mesmo debate. Claro que o sr Almeida com um discurso tipo vendedor de banha da cobra continua a convencer os incultos. O Dr Dores teve que descer para ser entendido. Claro que este blog não percebeu. Claro.


De Anónimo a 19 de Setembro de 2009 às 21:38
Ó sr. Dores já tinha percebido que também gosta de andar nos blogues a deixar comentários mentirosos! Aprendeu com o seu amigalhaço Tiago Abreu, não foi??!!
Todos ouvimos que Rondão Almeida tinha respostas de pessoas normal, explicando o que fez e o que tinha para o futuro.
De si, sr. Dores ouvia-se sempre a linguagem da insinuação, da tentativa de afronta, da mentira descarada com estatísticas de 2004. Devia saber qual foi o resultado da Coligação PSD/CDS em 2004 com o Zé Carlos, com a mesma estratégia.
Rondão Almeida não se exaltou. Apenas se indignou e disse-o com clareza aos ouvintes, quando o senhor mentiu, porque não está para aturar mentirosos.


De Anónimo a 19 de Setembro de 2009 às 17:58

Se o debate correu tão bem ao Rondão pq se irritou e ofendeu  o Simão Dores  quando este lhe leu as estatisticas do INE e lhe demonstrou que eramos o concelho do distrito com maior numero de desempregados

Pq voltou o Rondão a ser MALCRIADO quando o Simão das Dores denunciou que o beneficio fiscal (imi e imt) no valor de 350.000 euros que concedeu aos empresários Espanhóis, que compraram a herdade da Dª Joana e que como contrapartida teriam que criar 250 postos de trabalho fixo e 650 sazonais e ainda construir um LAGAR e uma FÁBRICA de tratamento de frutas e atá agora nada aconteceu! o que respondeu o RONDÃO Sr CÉSAR! disse mal do ministro dele pq, segundo parece, não é possivel construir nem uma coisa, nem outra naqueles terrenos, a incompetencia do Rondão levou a que não se esclarecesse que, ali naquele lugar não podia implantar nem o lagar nem a fábrica a incompetencia do Rondão que não se informou  e concedeu o beneficio fiscal pela compra de um terreno que,só dá para plantar olival e frutas, para ele, o culpado é o ministro para mim, a culpa é toda dele e quando é cobrado pelas asneiras que fez diz que, a culpa é do ministro!!!!!!

Estes 350.000 euros e os postos de trabalho já voaram e o grande gestor que desperdiça os dinheiros dos contribuintes vai ser eleito.

O que estranhei no debate foi a afirmação do jornalista João Fernando com a frase "o trabalho do Mude é só colocar cartazes a tapar os monumentos" se isto tem sido dito pelo Rondão era aceitável, agora por um jornalista que se presume ser independente, soa, pode não ser, a VOZ do dono.

O Pedras é o proximo a ser capado o homem fez mais oposição ao Simão  do que ao Rondão  ele é contra a privatização da agua mas é como os deputados do bloco são contra as privatizações da Edp e da Galp mas compraram umas acções ele é contra a privatização da água mas não se importa de a gerir.

O candidato da CDU também abriu a porta a ser vereador a tempo inteiro só que, continuaria a ser comunista lá dentro,  assim não vai entrar lá para dentro, com os tomates inteiros, não o deixam entrar i sr candidato, fica na oposição.

Não sei se falou mais alguém, ouvi por vezes umas frases sem nexo nenhum mas, não compreendi patavina.


De Anónimo a 19 de Setembro de 2009 às 21:44
Todos ouvimos bem que o Sr. dores é que foi um MALCRIADO o debate inteiro, como é habitual e como lhe ensinou a equipa de treinadores Tiago Abreu, Cabaceira e Vieira, e o porta-estandarte do Tavares da D. Sancho.

É uma vergonha esses senhores serem da direita, dizerem da boca para fora que defendem a redução dos impostos e depois criticarem a Câmara porque concedeu uma isenção de IMT a uma empresa que vai criar 200 postos de trabalho, quando sabem que se o empresário não cumprir tem que devolver o dinheiro.
É assim que defendem os empresários?????

Bem fez Rondão Almeida que na resposta encostou o sr. das Dores  às cordas!


De Anónimo a 21 de Setembro de 2009 às 17:18

O que não é admissivel é que, uma empresa fique isenta e depois não cumpra  a sua parte do acordo da isenção e os 250 postos de trabalho fixos e os 650 sazonais anunciados  no Boletim Municipal, afinal não existem, isto numa democracia teria que ter consequencias politicas, aqui não tem.
O que deveria ter sido feito pelo poder era antecipadamente saber  se a construção do lagar era ou não possivel e só depois  isentar.
Agora culpa o ministro porque não é possivel lá construir edificios desse tipo, sacode a água do capote
mas, os 350.000 esses já estão garantidos e nós Elvenses prejudicados em 350.000 euros ou mais.


De Anónimo a 19 de Setembro de 2009 às 22:11
Ouvi atentamente o debate. Simão das Dores mostrou ser um homem inconformado e atento ao Concelho.
Rondão igual a si próprio. Balofo e redondo. Faz a festa e apanha as canas. É melhor Rondão aproveitar   o S. Mateus para pôr uma velinha ao Sr Jesus da Piedade. A sra Elsa também deve levar uma velinha à medida.


De Anónimo a 19 de Setembro de 2009 às 21:53
Toda a gente sabe que João Fernando é PSD e não morre de amores por Rondão Almeida nem por ninguém da Câmara.

Mas claro que fica indignado, como todos os verdadeiros elvenses, quando veem um partido dizer que defende a revitalização do centro histórico e dos monumentos e depois, na prática, em campanha eleitoral, mete outdoors dentro do centro histórico a tapar monumentos e a conspurcar a cidade com a figura horroroza do Simão das Dores.

Essa diferença entre a teoria e a prática dos senhores do MUDE=PSD+CDS+sindicalistas radicais, deixa qualquer um irritado e, ainda pior, quando tratam mal os nossos monumentos. O João Fernando ficou indignado e expressou aquilo que é voz corrente entre os elvenses.

Nunca pensaram que terem outdoors dentro do centro da cidade leva as pessoas a dizer que nunca vão votar em gente que faz isso? Nunca pensaram que isso é campanha que funciona ao contrário? Claro que não pensaram. São demasiado espertos para isso!



De Anónimo a 20 de Setembro de 2009 às 03:30
o Joao Fernando quase nem abriu a boca que coordenou o debate foi o chefe dele.
mesmo assim meteu os pes pelas maos.
Por acaso fiquei muito bem surpreendido com o Góis (não é nada ao João Gois pois não?) também pudera é director de empresas em Lisboa não precisa do beija mão.
O MUDE não conseguiu dar a volta e vamos ter Rondão mais 4 anos, os últimos 4.


De Anónimo a 19 de Setembro de 2009 às 21:55
Os MUDES já estão cheios de medo do Pedras.
Isto só mostra como vocês, no fundo, sentem o quanto perderam com este debate. Quanto mais falam mais se afundam.


De ANONIMO a 20 de Setembro de 2009 às 11:15
NÃO FOI SÓ OS MUDE MAS TAMBÉM  O  PS  DE RONDÃO QUE AGORA ATÉ DIA 10 DE OUTUBRO ESTÃO A ROER AS UNHAS MAS  CALMA QUE O BLOCO É FIXE E TEM BOAS POLÍTICAS PARA TODOS PORQUE TODOS SOMOS  ELVAS
FORÇA  MALTA OS JOVENS ESTÃO COM O BLOCO  OS IDOSOS  AQUELES QUE VERDADEIRAMENTE GOSTAM DA LIBERDADE E DA DEMOCRACIA  VÃO  LIBERTAR ELVAS  VÃO VOTAR   BLOCO  DE ESQUERDA


De Anónimo a 20 de Setembro de 2009 às 17:13

Rondão igual ou seja em tempo de eleições a prometer empresas e emprego e depois ZERO ZERO.
Pinheiro a revelar as fragilidades do PCP em Elvas pois só conseguiram arranjar candidato fora de Elvas.
Torneiro com as mesmas ideias de há 30 anos como tal terá 100votos.PEDRAS deveria envergonhar-se da sabujisse ao Rondão seu chefe num futuro se fôr eleito.Dores ainda com algum defice de preparação ....


De Anónimo a 22 de Setembro de 2009 às 12:55
Pedras??? Eu ouvi o homem, oratória = 0, uma nulidade, com um;defice de lingua portuguesa gráve para um politico;Enfim...eu não voto nele, não tem capacidade intelectual quer ao nivel de Rondão quer de Simão das Dores, não tem perfil para pertencer a umexecutivo.


De Anónimo a 23 de Setembro de 2009 às 23:53
a incongruência intelectual transforma os homens em simples peças de um puzle , o seguidismo e sectarismo são sinónino de "burrice" será que o actual elenco merece um lugar no executivo? na verdade este tipo de comentários são nada mais que uma tentativa falhada de ocultar realmente o que as pessoas pretendem, a inveja´nunca foi boa conselheira, o conhecimento e o discernimento são de facto a condição sine qua non " para utilizar-mos a sensatez e a verdade. os pedantes continuam a ser um esbirro da sociedade.


Comentar post

Últimos copos

Forte da Graça - 18

Forte da Graça - 17

Forte da Graça - 16

Forte da Graça - 15

Forte da Graça - 14

Forte da Graça - 13

Forte da Graça - 12

Forte da Graça - 11

Forte da Graça - 10

Forte da Graça - 9

Adega

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Agosto 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


A procurar na adega

 

Blogs de Elvas

Tags

todas as tags

últ. comentários

logo que poluiçao iriam causar duas ou tres embarc...
Muito interessante. Nessa documentação há document...
Nest baluarte existio uma oficina de artesanato on...
JacintoSó agora tive oportunidade de lhe vir dizer...
VERGONHA? MAS ESSAS DUAS ALMAS PERDIDAS RONDÃO E E...
Uma cartita. Uma cartinha. Uma carta.Assim anda en...
Os piores lambe-botas são os partidos de Esquerda ...
O mundo está para os corruptos e caloteiros. Uma a...
O mundo é dos caloteiros . Uma autentica vergonha.
"Não se pode aceitar que um professor dê 20 erros ...

mais comentados

101 comentários
89 comentários
86 comentários

subscrever feeds

SAPO Blogs