Elvas sempre em primeiro

Todos os comentários que cheguem sem IP não serão publicados.
Domingo, 31 de Maio de 2009

A honra de ser PORTUGUÊS

Recebi o mail que transcrevo a seguir e sem comentários. Cada um que pense e reflicta sobre o assunto.

 

“35 anos depois

 

 

Servi as Forças Armadas em Moçambique, entre 1972 e 1974, integrado num batalhão que deu protecção à construção de Cahora Bassa e garantiu, enquanto possível, os legítimos interesses de Portugal naquele território.

Completam-se em Setembro, 35 anos que regressámos à então Metrópole, meninos transformados em homens que lutaram numa guerra que não despoletaram, compreenderam, mas aceitaram, porque era esse à época o dever patriótico de todo o mancebo cujos pais não tinham posses de os pôr a salvo na Europa, ao abrigo do estatuto de refugiados políticos.

Em boa verdade, orgulho-me de ter servido o país no que era o então desígnio nacional, muito antes das paixões tecnológicas e destes gajos sem credo nem pátria que tomaram conta do poder, após a generosa revolta de quem acreditava que poderíamos ter outro futuro. Na cobardia de quem não teve os tomates necessários para servir a pátria, fantasiada de democracia, usurparam os sonhos, o presente e o futuro a um povo bom, romântico e inocente.

Hoje, dos que restam, reunimo-nos creio que pela 34ª vez, respondendo à chamada com a prontidão com que então dizíamos, presente! A generalidade dos meninos que embarcaram para Moçambique na Primavera de 1972, são hoje vulgares portugueses de 60 anos, que há muito perderam os sonhos de Abril, profundamente descrentes do presente e apenas preocupados com o que possa restar das suas vidas.

Homens vulgares de sessenta anos doentes, cansados, à espera que o sistema lhes conceda a esmola de uma pensão para a qual descontaram dos seus salários os montantes exigidos. Alguns destes homens, estão particularmente mal, minados por doenças sem cura, vítimas de AVC’s, vergados pela vida, respondem ainda à chamada fazendo-se acompanhar por mulheres, filhos e netos, constituindo-se numa grande família que se reúne em cada Primavera, para cimentar as raízes que a une.

Há tempos, um destes demagogos que vivem da política, quis instituir uma qualquer pensão miserável para os servidores da pátria que lutaram no antigo ultramar. Creio que a coisa terá ficado em águas de bacalhau, por não existirem verbas para o efeito. E ainda bem. Quem serviu na guerra ultramarina, não é mais merecedor de uma vida digna que qualquer outro português. O que não merecíamos seguramente, é a governação de meia dúzia de aldrabões que nos rouba a cada dia que passa, a esperança de um futuro melhor.”

 

Jacinto César

 

 

 


Tasca das amoreiras às 20:33
Link do post | Comentar | favorito
2 comentários:
De Anónimo a 3 de Junho de 2009 às 10:48
O senhor da carta tem paletes de razão. E pelo número de post's, quem cala consente ou realmente já não há "portugueses"...

PS - Ou então não é um post sobre as vateirices locais e não é atractivo aos "comentadores" do costume!


De EO a 3 de Junho de 2009 às 11:54
Vem ver a entrevista que fizemos a protectora e amiga do Caramelo.
O Caramelo é um cão que precisa da ajuda de todos nós.
Por esse motivo pedimos que pelo menos leiam esta entrevista para conhecerem a historia dele.
http://esterilizacao-o.blogspot.com/


Comentar post

Últimos copos

Forte da Graça - 18

Forte da Graça - 17

Forte da Graça - 16

Forte da Graça - 15

Forte da Graça - 14

Forte da Graça - 13

Forte da Graça - 12

Forte da Graça - 11

Forte da Graça - 10

Forte da Graça - 9

Adega

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Agosto 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


A procurar na adega

 

Blogs de Elvas

Tags

todas as tags

últ. comentários

Nest baluarte existio uma oficina de artesanato on...
JacintoSó agora tive oportunidade de lhe vir dizer...
VERGONHA? MAS ESSAS DUAS ALMAS PERDIDAS RONDÃO E E...
Uma cartita. Uma cartinha. Uma carta.Assim anda en...
Os piores lambe-botas são os partidos de Esquerda ...
O mundo está para os corruptos e caloteiros. Uma a...
O mundo é dos caloteiros . Uma autentica vergonha.
"Não se pode aceitar que um professor dê 20 erros ...
penso k será pior dizer k ñ tem pais!ou k ñ sabe k...

mais comentados

101 comentários
89 comentários
86 comentários

subscrever feeds

SAPO Blogs