Elvas sempre em primeiro

Todos os comentários que cheguem sem IP não serão publicados.
Quarta-feira, 5 de Setembro de 2007

À MULHER CORAGEM

Nota prévia – Antes de mais gostaria de pedir desculpas aos meus companheiros do Blog e a todos os leitores do mesmo pelo que de pessoal tem este post, mas dado do que se trata não podia de modo algum deixar de o fazer. As minhas desculpas.

Em toda a minha vida como podem calcular conheci centenas senão milhares de pessoas. Cada uma com os seus defeitos e virtudes, porque acredito que até os maus têm qualquer coisa de bom!

Isto vem a propósito da minha mulher, que tendo os defeitos e virtudes como toda a gente, mas há uma virtude que é rara nas pessoas: a coragem! Eu explico: quando era miúdo, o director da minha escola era o Dr. Abel Febra. Foi meu professor de matemática. Até aqui nada de especial, a não ser que aos 40 anos era polícia e aos poucos licenciou-se em matemática. Grande exemplo este.

Longe estava eu de pensar que muitos anos mais tarde iria ter na família um caso idêntico. A minha mulher, precisamente!

Só convivendo com ela durante estes anos todos, assistir às vicissitudes pelas que passou, às dificuldades de todo o tipo que teve, às tristezas e alegrias do dia-a-dia, à perseverança, que passados estes anos concretizou o sonho que um dia teve: ser médica. Isso de ser mulher, mãe, dona de casa e estudar tem que se lhe diga. Não é tarefa para fracos! Eu tive e tenho o privilégio de viver com essa MULHER CORAGEM. Eu tive e tenho o privilégio de essa MULHER ser a minha MULHER e a MULHER da minha vida.

Jacinto César

 

Tasca das amoreiras às 20:38
Link do post | Comentar | favorito
5 comentários:
De Dina a 6 de Setembro de 2007 às 02:00
Também ela tem motivo para se orgulhar por ter um marido capaz de reconhecer publicamente o orgulho que sente por ela ser como é.
Parabéns aos dois!


De António Venâncio a 6 de Setembro de 2007 às 08:29
Neste espaço de liberdade cada um de nós deve escrever o que pensa e sente, por isso não peças desculpa por escrever algo de tão bonito.
Eu é que te peço autorização para utilizar este espaço e juntar-me à vossa alegria.

Parabéns Carolina


De Rasputine a 6 de Setembro de 2007 às 16:13
HEHEHEHEHEHEHE !!!! PARA AQUELES AFIA FACAS QUE PASSAM O DIA A DIZER QUE "DIZ-SE QUE DISSE", "MATA AQUI, ESFOLA ACOLÁ", "NÃO SEI QUÊ, NÃO SEI QUE MAIS"... EMBRULHEMMMM !!!

PARABÉNS !!!


De Torpedo a 7 de Setembro de 2007 às 11:18
É pá !!! Agora estou a ver que já está confirmado !!! Bem... bem... e quando é que fazemos a festa ??? :-)

PARABÉNS !!! Já era mais que merecido. Este não saiu no Presto... como por aí há uns quantos para não dizer paletes!


De Eduardo César a 16 de Setembro de 2007 às 19:31
Minha querida mae .

Os dois sabemos como as coisas nunca foram fáceis para nós, em especial para ti, e como, apesar das lágrimas, apesar dos que te empurravam em sentido contrário e da sensação de que nenhum vento soprava a teu favor, cada dia acordavas às 6 ou 7 da manha a caminho da universidade em Badajoz , fazendo, para alem de toda a hesitação , aquilo que tinha que ser feito: ir às aulas e estudar.
Tenho a certeza de que vou guardar para sempre, no cimo da pilha das muitas coisas que nunca esquecerei, a alegria com que voltavas de Badajoz com um grande resultado de um exame, ou o desanimo mal disfarçado perante os chumbos, e pelo meio as esperanças pessimistas ao sair de um exame que, se bem me lembro, corria sempre mal.
Os ritmos da vida são estranhos; enquanto me entretinha a ser adolescente, ou voltando a casa de fim de semana, disposto apenas a jantar e ver televisao, terei passado, metido nas histórias da minha idade, milhares de vezes pelo corredor da nossa casa, a caminho do quarto; e ai, pela porta mais ou menos aberta do teu quarto, via-te à secretária, com a luz da manha a entrar pela janela ou a luz do candeeiro de mesa onde o fumo dos cigarros se enrolava, a fucar nos teus "apuntes" coloridos a marcador fluorescente; e se o ritmo da minha existencia de entao era rápido, com as turbulencias de crescer, via-te continuamente estática naquela secretária, com os olhos nos papéis; como se nao estivesses a fazer nada, ao contrário de mim, que fazia tudo.
Assim se passaram os anos, contigo sentada naquela secretária; e agora tenho a certeza (e quero que a tenhas tu também) de que o Gedeao, ao escrever que eles nao sabem nem sonham que o sonho comanda a vida, se inspirava em ti e no que tu, muitos anos mais tarde, virias a cumprir.
Mostrei fotografias tuas a todos os meus de Heidelberg, do album que mandaste pela Yara, e dizia-lhes aquilo que, inchado de orgulho, também aqui digo aos que ainda nao tiveram o previlégio de te conhecer: esta mulher aqui em fato de banho chama-se Carolina (aqui teria 21, 20 anos e alguns meses mais velha do que eu) e acabou agora o curso de medicina. É a minha mãe ...

Teu, Di.


Comentar post

Últimos copos

Forte da Graça - 18

Forte da Graça - 17

Forte da Graça - 16

Forte da Graça - 15

Forte da Graça - 14

Forte da Graça - 13

Forte da Graça - 12

Forte da Graça - 11

Forte da Graça - 10

Forte da Graça - 9

Adega

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Agosto 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


A procurar na adega

 

Blogs de Elvas

Tags

todas as tags

últ. comentários

logo que poluiçao iriam causar duas ou tres embarc...
Muito interessante. Nessa documentação há document...
Nest baluarte existio uma oficina de artesanato on...
JacintoSó agora tive oportunidade de lhe vir dizer...
VERGONHA? MAS ESSAS DUAS ALMAS PERDIDAS RONDÃO E E...
Uma cartita. Uma cartinha. Uma carta.Assim anda en...
Os piores lambe-botas são os partidos de Esquerda ...
O mundo está para os corruptos e caloteiros. Uma a...
O mundo é dos caloteiros . Uma autentica vergonha.
"Não se pode aceitar que um professor dê 20 erros ...

mais comentados

101 comentários
89 comentários
86 comentários

subscrever feeds

SAPO Blogs